Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Ecos da posse

Três Poderes têm vivido em harmonia, diz Gilmar Mendes

Representante do Judiciário na cerimônia de posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, nesta segunda-feira (1/1), o vice-presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, disse que o país tem vivenciado, sob as normas constitucionais, um clima de harmonia entre os Poderes.

Para o ministro tem havido um clima de absoluta tranqüilidade nas relações institucionais. No entanto, reconheceu a ocorrência de episódios de confronto entre as instituições. “Aqui ou acolá temos tido escaramuças”, disse. As informações são da Agência Senado.

Para o ministro, a violência no país é uma questão nacional que envolve não só a atuação dos três Poderes, mas também uma cooperação intensa entre o plano federal e o plano estadual, "para não dizer o esforço da própria sociedade para superar esse grande entrave no âmbito da liberdade dos cidadãos".

Também presente à solenidade, o ministro do Supremo Sepúlveda Pertence avaliou o novo mandato do presidente Lula como mais uma oportunidade para que o país progrida na efetivação dos direitos constitucionais. “Tensões daqui e dali são naturais no jogo democrático e o importante é que os três Poderes se respeitem.”

Revista Consultor Jurídico, 2 de janeiro de 2007, 13h08

Comentários de leitores

5 comentários

É fácil a harmonia entre os poderes: basta repa...

allmirante (Advogado Autônomo)

É fácil a harmonia entre os poderes: basta repartir os dólares das cuecas.

Com inteira razão o estudante Ramiro, é muito b...

olhovivo (Outros)

Com inteira razão o estudante Ramiro, é muito barulho/marketing e resultados pífios na atuação dos MPs. Ao invés de procurarem meios de se aperfeiçoar e adequar-se, preferem criticar os seus críticos. Desde 1988, ano em que - se diz - fortaleceu-se a instituição, a criminalidade, a corrupção, a devastação ambiental e outras mazelas só apresentam números assustadoramente crescentes. Então, cadê esse poder (real e efetivo), conferido há quase exatamente vinte anos? Ou é só "poder" de blá-blá-blá?

O Ministro Gilmar Mendes, apesar de todos os pe...

Ramiro. (Advogado Autônomo)

O Ministro Gilmar Mendes, apesar de todos os pesares, colocou o dedo na ferida. Os MPs falam demais e estão fazendo muito pouco pela sociedade. Andam espetaculosos demais. O Judiciário cansou de ser saco de pancadas.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 10/01/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.