Consultor Jurídico

Comentários de leitores

6 comentários

Engraçado esta deste Presidente tomar posse ago...

allmirante (Advogado Autônomo)

Engraçado esta deste Presidente tomar posse agora. Isto ele já tomou há 5 anos.

"VIOLÊNCIA: LULA E O DISCURSO PICARETA ...

Richard Smith (Consultor)

"VIOLÊNCIA: LULA E O DISCURSO PICARETA Há uma hora em que temos de dizer: “Chega de picaretas!” Lula afirmou nesta terça [02/jan]que gente que põe fogo em ônibus para matar fritado um grupo de pessoas inocentes não pode ser enquadrada na mesma lei que pune crimes comuns. Ah, é???? Que este senhor nos diga, então, por que seu ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, militou contra a lei dos crimes hediondos. O próprio Apedeuta assinou uma portaria criando dificuldades adicionais para a aplicação do Regime Disciplinar Diferenciado nos presídios. O que ele quer? Qual é a sua proposta? Lula quer sentir a indignação do cidadão comum, mas não quer sentir o peso de governar. Qual é a proposta, meu senhor?" Do "blog" de REINALDO AZEVEDO.

Noooossa! Essa zurrada do professor PeTr...

Richard Smith (Consultor)

Noooossa! Essa zurrada do professor PeTralha, fujão e borra cuecas quase rebentou os meus tímpanos! "Taxar exemplarmente" a Zelite! Uau, que sabedoria do "fessô". Só assim vamos descer ao nível de "igualitarismo" de Cuba: Os pobres com um pouquinho e a Zelite com um pouquinho só mais do que eles (isso para aqueles que não puderem fazer as malas e "puxar o carro", não?) Isso é que é "diminuir a desigualdade" para os PeTralhas mistificadores e adoradores do Abortista/Excomungado e do seu partido! També, com o "espetáculo" do crescimento médio de 2,6% em quatro anos, mais também não dá, né? Dados recentes mostram que, em seis anos, foram criados 8 milhões de empregos para a faixa de renda de 0 a 3 salários mínimos (pobres portanto), quantidade essa insuficiente para fazer frente ao crescimento vegetativo dessa mesma faixa (faltam 5 milhões de empregos) e cresceu a sua renda em 26%. Enquanto isso, no mesmo período, SUMIRAM dois milhões de empregos da faixa entre 3 e 15 salários mínimos (classe média baixa)e DECRESCEU a renda do segmento em 46%!. Ou seja, não apenas não surgiram novos empregos como diminuiu pela metade a renda! Isso para a classe média, que carrega este País nas costas! Está explicado o porque de tantas lojas fechadas ou com placas de "aluga-se"? As compras de comida em três vezes com cheques pré-datados? A estagnação da produção automobilistica e da chamada linha branca"? Eu hoje faturo menos de 40% (em valores NOMINAIS, sem correção!) do que eu faturava há nove anos atrás! Mais impostos? Que tal este (des)governo "que aí está" gastar melhor a montanha que arrecada todos os dias? De utilizar totalmente os recursos consignados nas diversas rubricas do orçamento e não apenas 10 ou 15% como vem acontecento (ô incomPTência, hein?)? De criar oportunidades de investimento externo e não de afugentamento de capital produtivo externo, como vem acontecendo, ano a ano, hein? De reduzir juros, ao invés de provisioná-los dos impostos, por pura incomPTência e falta de "culhão" para com os bancos e capital especulativo? De ter uma mentalidade inovadora e pensar o BRasil para daqui a 20/30 anos, ao invés de tentar cooptar os congressistas-ladrões com "mensalão" para a foramção de uma "maioria" inútil e dispendiosa (além de corruptora e criminosa, claro!)? É, é muita areia para o caminhãozinho do IncomPTente, não? Humilhados (pé na bunda por parte da China e dos "hermanos" do Mercosul, palhaçadas na OMC, estupro do Evo Morales, etc.) e sofridos estamos todos nós há já mais de 4 anos, viu mané?! Assim, antes de ficar opinando acerca de economia e de política interna, você deve apresentar a sua defesa ao Abortista/Excomungado que hoje freqüenta a cadeira presidencial e do seu partido, à covarde e sub-reptícia liberação TOTAL do ABORTO no País, contrariamente ao que pensa nada menos do que 92% da população brasileira (dados do Datafolha de agosto/06). (E não vale dizer que eu sou único "aborto da natureza" que você conhece, porque isso não responde ao DESAFIO público que lhe fiz, viu mané?)

o texto é de Neil Ferreira, publicado no "Mídia...

Roland Freisler (Advogado Autônomo)

o texto é de Neil Ferreira, publicado no "Mídia sem Mácrara" e se chama "Passageiros com destino a 2007, apertem os cintos, o pilloto sumiu"

O prof e sua "zelite"... O pilloto não está ne...

Roland Freisler (Advogado Autônomo)

O prof e sua "zelite"... O pilloto não está nem aí. Nunca esteve. Apagão vai apagão vem, não é com elle . Nunca foi. O avião delle sobe e desce quando quer. Embarca e desembarca em salas privativas com segurança e conforto, o que é justo pois só viaja a trabalho. Deixe o homem trabalhar . A cumpanherada que não arranja uma boquinha para viajar com elle , vai de jatinho particular, não se sabe de quem nem fretado por quem, vai ver é de graça. Ou pago por nós, trouxas pagadores de impostos. Não fazemos mais do que a nossa obrigação em benefício da pátria amada, salve, salve. O que é muito justo também, ninguém é de ferro. O pilloto ordenou que o apagão aéreo acabasse no domingo, mas o apagão não obededeu. Não acabou. Como tudo aqui, mudou de nome e caiu em outro colo. Chama-se hoje Crise da TAM , não mais apagão aéreo nem Crise dos Controladores de Vôo . Isso graças à ação firme do governo, ao dinamismo e ishperrrteza do sinistro waldyr pires e à precisão cirúrgica com que o pilloto improvisa desculpas para o indesculpável. Um dos meus filósofos preferidos, o inesquecível Vicente Matheus, com toda razão diria que arranjaram um bode respiratório para a situação. Agora, que as coisas estão de novo no melhor dos mundos, como a Mentirobrás, a mais poderosa estatal brasileira, provou nos programas de tv que produziu com portentosa eficiência para ajudar o pilloto a continuar pillotando , posso revelar uma das minhas mais sérias teorias da conspiração, baseada 100% em admitida e incurável paranóia. Lá vai. É ingenuidade ou mesmo má-fé atribuir o apagão, hoje Crise da TAM, ao corte de verbas, má gerência ou incomPTência. A crise é parte de um plano inteligente, feito há muito tempo e em plena e vitoriosa execução. Vamos pensar simples. Quem usa avião fora o pilloto e a nomenkalutura no poder é a zelite . O pilloto tem seu avião especial e a nomenklatura não anda em avião de carreira. Quem se aglomera nos aeroportos e espera horas e até dias é a zelite. Manda fazer uma pesquisa nas filas de check-in, nos bancos duros dos aeroportos, nas filas das lanchonetes engorduradas, nos banheiros imundos e perguntar em quem eles votaram. O pilloto perde de 10x2. O pilloto prometeu que a zelite ia ver só uma coisa, ia pagar por sua zelitice . Cumpriu. A zelite está pagando caro. Quem vota no pilloto só vai a aeroportos levado em ônibus e caminhões, em caravanas para ser claque, bater palma quando elle chega, gritar viva, mais quatro anos, santo padim padi ciço e ganhar bolsa-lanche. E ainda vê de perto o avião delle . Avião dos comuns, esses em que o passageiro paga a passagem e enfrenta o caos, só vê a uns 10 mil metros de altitude. Quem vota no pilloto não sofre com apagão, nem com a Crise da TAM . Os outros 40 milhões, excluídos e indesejados, sofrem. Quem mandou votar errado. Agora agüentem. Além de sustentar o nunca antes neççepaíz com módicos 40% do PIB em impostos (e ainda querem chiar), paguem também o preço moral por ser da classe inimiga do povo e do Estado, a crasse mérdia, em extinção tão rápida quanto a floresta amazônica, sob a proteção da beata sinistra marina. Veja o descalabro, no cargo de sinistra, ela abre vaga para seu suplente, o sibá. Este é um país onde um grosso sem voto (os votos são da beata), o sibá, o suplicy e a ideli são senadores. É de chorar. Mas não pense que já pagou tudo. A zelite pagará até estourar. Aí, teremos os sans-coulottes tomando goró, dançando nas ruas. Não será já segunda-feira, na nova decolagem do pilloto . Será em fevereiro. Vai se chamar Carnaval do Povo , com transmissão ao vivo pela Globo.

Vamos fiscalizar e acompanhar para que o povo s...

Armando do Prado (Professor)

Vamos fiscalizar e acompanhar para que o povo sofrido e humilhado seja o grande beneficiário desse segundo governo, com educação, saúde e emprego. A elite tem que ser exemplarmente taxada para que se possa construir um país melhor.

Comentar

Comentários encerrados em 9/01/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.