Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Riscos informáticos

Analistas questionam segurança de programa de busca da Google

A Google Inc., empresa americana dona da mais importante ferramenta de busca da internet, entra em mais uma polêmica gerada em torno de um de seus produtos. Depois do Orkut e do Youtube agora é a vez do Google Desktop, é um aplicativo de busca no computdaor que permite encontrar textos em mensagens de e-mails, arquivos do seu próprio disco rígido, bate-papo e páginas da internet visitadas.

Analistas de segurança informática descobriram falhas graves no google desktop. Segundo o site de informação jurídica dos Estados Unidos Findlaw, o programa expõe com facilidade as informações da máquina a ladrões de dados.

A falha foi denunciada ao Google Inc. pelos analistas de segurança da empresa Watchfire Corp. “Essa vulnerabilidade existe em 80% dos programas instalados”, alerta Danny Allan, um destes especialistas.

O Google Desktop foi anunciado em 2004. Sucesso imediato, têm milhões de usuários no mundo e segundo o programa medidor de downloads Hitwise, em janeiro de 2007 o número dos que baixaram o programa triplicou.

Mas segundo a Watchfire, o Google Desktop é “um reino livre” para que hackers possam entrar à distância nos computadores e copiar todo o seu conteúdo. O consultor Mike Weider diz que nem programas anti-virus nem firewalls têm conseguido brecar essas invasões.

O programa é a menina dos olhos de investigadores, que apreendem, com ordem judicial, computadores de advogados. Afinal basta instalá-lo para que rapidamente ele encontre os textos arquivados no computador relacionados com a investigação.


Revista Consultor Jurídico, 22 de fevereiro de 2007, 13h27

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 02/03/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.