Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Homens do presidente

Secretário de Bush vazou identidade de agente da CIA a repórter

Por 

O secretário de imprensa da Casa Branca, Ari Fleischer, foi quem vazou a identidade de uma agente da CIA, central de inteligência dos Estados Unidos, em 2003, para um repórter do jornal The Washington Post. As informações são do site Findlaw.

O dado foi revelado, na segunda-feira (12/2), em depoimento prestado no julgamento que apura o vazamento da identidade da agente. Esse tipo de vazamento é considerado crime de alta traição.

O repórter Walter Pincus foi um dos primeiros a tomar conhecimento da identidade de Valerie Plame, agente da CIA que era mulher do embaixador e crítico da invasão do Iraque, Joseph Wilson. Pincus declarou ter tomado conhecimento da identidade dela em 12 de julho de 2003.

Com a escolha dos jurados, começou em Washington, em 17 de janeiro, o julgamento de Lewis "Scooter" Libby, ex-chefe de gabinete do vice-presidente dos Estados Unidos, Dick Cheney. Libby é acusado de mentir em juízo e de obstruir a ação da Justiça na investigação do caso Plame.

O subsecretário de estado Richard Armitage já confessou ser um dos responsáveis pelo vazamento para a imprensa da informação de que Valerie Palme, mulher do ex-embaixador Joseph Wilson, era agente secreta da CIA. Revelar a identidade de agentes secretos é considerado crime nos Estados Unidos. A informação foi publicada pelo colunista Robert Novak e pela jornalista Judith Miller, do New York Times.

A revelação da identidade foi uma vingança da administração Bush contra o marido da agente. Na época da guerra do Iraque, o embaixador desmentiu publicamente que aquele país tivesse adquirido urânio enriquecido em níger para fabricar armamento nuclear. A fabricação de bombas nucleares foi um dos argumentos usados pelo presidente Bush para deflagrar a guerra contra Saddam Hussein.

Ari Fleischer já prestou testemunho. Ele disse que soube da identidade da agente por Libby. Posteriormente, a informação foi repassada ao repórter por Fleischer.

 é repórter especial da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 13 de fevereiro de 2007, 10h38

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 21/02/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.