Consultor Jurídico

Notícias

Afastamento provisório

STJ aceita pedido de licença médica do ministro Paulo Medina

Comentários de leitores

8 comentários

Afastamento provisório "neste pais" é para quem...

Helena Fausta (Bacharel - Civil)

Afastamento provisório "neste pais" é para quem pode,em "outros paises", o malandro ja estaria encarcerado na menor suspeita possível, e aquele "outro pais", que manda matar e ainda cobra a bala da família, aqui "neste infeliz pais", a sociedade ainda paga a conta dos criminosos.

Responder

Bem se as Quase Três Toneladas de Materiais env...

Maximos (Advogado Autônomo - Dano Moral)

Bem se as Quase Três Toneladas de Materiais envolvidos na operação, assim como os 9 milhões de reais e as ligações nitidamente e legalmente indentificadas não forem o bastante para provar os ilícitos, eu já não sei o que mais são provas e para que servem... Lembremo-nos que cidadãos não se resumem em autoridades judiciárias, mas incluem-se também todos aqueles que constituem a atual sociedade brasileira e se submetem ao Estado Democrático de Direito... Será Democrática mesmo???

Responder

Eu só queria saber que doença aflige sua excelê...

edisio (Advogado Autônomo)

Eu só queria saber que doença aflige sua excelência, o Ministro Paulo Medina.Será que os médicos do STJ que assinaram o laudo receberam algum?

Responder

A caça às bruxas está com toda força, com direi...

Sanromã (Advogado Autônomo)

A caça às bruxas está com toda força, com direito a mídia e violação das leis do País. Lembro-me que o bingo era legal até que, para esconder as mutretas executivas e depois confirmadas serem também legislativas, o presidente, por medida provisória, declarou a ilegalidade dos bingos, desviando a atençào do público e da mídia para o crimes que emporcalharam a Nação, SEM NENHUM CONDENADO ATÉ AGORA. Mas para manchar a honra dos cidadãos estão aí os puritanos, decretando a prisão de cidadãos brasileiros, com ou sem cargo público, SEM FLAGRANTE e com provas de conversas telefônicas que não provam ABSOLUTAMENTE NADA. Esses Juízes e Ministros que decretam a prisão a pedido da PF deveriam se ater à Constituição. O Ministro Fisher do STJ deu a aplicação correta à Carta Magna não deferindo a prisào de ninguém. Corretíssimo. Ou flagrante, ou prova material do crime. A honra do cidadão não pode ficar à mercê da autoridade policial.

Responder

EU NÃO FICARIA DOENTE NÃO, EU PEDIRIA PARA MORR...

não (Advogado Autônomo)

EU NÃO FICARIA DOENTE NÃO, EU PEDIRIA PARA MORRER. PORQUE GENTE FINA MORRE DE VERGONHA.

Responder

Caro Ampueiro Potiguar. Vai ocorrer o mesmo. ...

Zito (Consultor)

Caro Ampueiro Potiguar. Vai ocorrer o mesmo. Eles só adoecem após praticar o ato ilegal, quando é descoberto. Coitadinho mesmo. Tenho pena de seus familiares, que vinham no patriarca um espelho de sabedoria. Poxa isso, aquilo e outro isso. Quanta chacolha.

Responder

Aguardo comentário do professor Armando do Prad...

Ampueiro Potiguar (Advogado Sócio de Escritório)

Aguardo comentário do professor Armando do Prado. Para ter (perdi ao reconfigurar computador) o e-mail dele. Se conveniente, gostaria de tê-lo.

Responder

Sem juridiquês:lembram do Maluf saindo da prisã...

Ampueiro Potiguar (Advogado Sócio de Escritório)

Sem juridiquês:lembram do Maluf saindo da prisão em cadeiras de rodas? Elogo após comendo um pastéis com caldo de cana em Campos de Jordão? Chega a ser cômico a "cara de pau" desses caras envolvidos em deslavada corrupção. Todos ficam doentes, deprimidos,à beira da morte. No caso atual (Furacão)vemos a mesma escapatória. De pessoas que por dever de ofício, de conhecimento, de responsabilidade e de moral têm como profissão refletir. Mas na hora da grana o reflexo é animal. "Às favas com o escrúpulo", como já foi dito por um coronel que foi Ministro da Justiça! O Tognolli poderia investigar como a Cacciola foi solto? Isso vem de longe, gente.

Responder



Comentar

Comentários encerrados em 1/05/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.