Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Soltando o verbo

Ex-juiz diz que Conselho Nacional de Justiça é uma farsa

O Conselho Nacional de Justiça é uma farsa e o sistema policial-judiciário brasileiro não funciona. Essa é a opinião do juiz aposentado Wálter Maierovitch. Para ele, o Superior Tribunal de Justiça suicidou-se ao deixar escapar o ministro Vicente Leal, que teria "vendido liminares para soltar narcotraficantes e que recebeu como prêmio do seu tribunal o arquivamento do caso e a aposentadoria", disse ele ao site BOL.

Maierovitch disse que não ficou surpreso com o envolvimento de desembargadores e policiais no esquema desbaratado pela Polícia Federal com a Operação Hurricane. Segundo ele, é necessária uma fiscalização eficiente dos membros do Judiciário, diferentemente da que é feita pelo Conselho Nacional de Justiça. "O CNJ é um órgão de controle interno, que tem juízes fiscalizando juízes. Isso é um absurdo, uma farsa."

O sistema policial-judiciário também não funciona, dispara. "Sabe-se que toda organização criminosa — e apesar de chamarem o jogo de bicho de contravenção ele é muito mais do que isso — tende a ser parasita", constata. Para ele, essas organizações usam o Estado para conseguir proteção e injetar corrupção nas instituições. As informações foram publicadas no portal Uol.

Maierovitch afirma que a Operação Hurricane veio tarde. Segundo ele, foi um passo importante e que deveria ter sido dado há muito tempo. O juiz recordou de história parecida: "ficou muito mal para a Justiça o episódio envolvendo o ministro Vicente Leal, que foi acusado de vender liminares para soltar narcotraficantes e que recebeu como prêmio do seu tribunal o arquivamento do caso e a aposentadoria". O ex-juiz acha que o Judiciário deveria ser mais fiscalizado.

Revista Consultor Jurídico, 20 de abril de 2007, 18h05

Comentários de leitores

24 comentários

Viva o Brasil, que tem uma Polícia Federal que ...

jotajoaquim (Serventuário)

Viva o Brasil, que tem uma Polícia Federal que é muito mais do que o mais poderoso tribunal.

Parabéns ao Maierovitch! Saber que um juiz, me...

Observador (Outros)

Parabéns ao Maierovitch! Saber que um juiz, mesmo que aposentado, tem a coragem de dizer aquilo que é sabido por todos que atuam no poder judiciário, cria um sopro de esperança. É por essas e outras que o Poder Judiciário não tem mais credibilidade junto à população!

Vicente Leal é piada. Maierovitch está certo. O...

Victor (Estudante de Direito - Criminal)

Vicente Leal é piada. Maierovitch está certo. O CNJ não passa de uma farsa, criada para iludir a sociedade, transmitindo uma imagem correta, isenta, quando se sabe, desde sempre, que o corporativismo reina.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 28/04/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.