Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Desvio de função

Fenadepol protesta contra uso eleitoreiro da imagem da PF

A Fenadepol — Federação Nacional dos Delegados de Polícia Federal protestou contra o uso eleitoreiro da imagem da Polícia Federal. Em nota divulgada nesta quarta-feira (27/9), a federação contestou as críticas que a PF vem recebendo de órgãos públicos.

A atuação da Polícia Federal está sendo questionada em dois episódios: o escândalo da compra do dossiê PT-sanguessugas e os supostos grampos de ministros do Tribunal Superior Eleitoral.

Na nota, o presidente em exercício da instituição, Antônio Barbosa Góis, defende a necessidade de leis que assegurem a autonomia orçamentária e financeira da Polícia Federal, “nos moldes do Judiciário e do Ministério Público, garantindo ainda as prerrogativas de inamovibilidade e vitaliciedade a autoridade policial”.

Leia a íntegra da nota

REDAÇÃO OFICIAL DA NOTA DA FENADEPOL:

MANIFESTO À NAÇÃO

A FEDERAÇÃO NACIONAL DOS DELEGADOS DE POLÍCIA FEDERAL - FENADEPOL, órgão representativo da classe dos Delegados de Polícia Federal em todo o País, vem à presença do povo brasileiro, em momento tão difícil pelo qual passa a nação, em que atos de corrupção e desmandos praticados por elementos criminosos infiltrados nos Partidos Políticos, no Congresso Nacional e no Poder Executivo estão minando as instituições DEMOCRÁTICAS, expor o seguinte:

a) REPUDIAR VEEMENTEMENTE o uso político-eleitoreiro da imagem da Polícia Federal pelo Governo Federal.

b) Protestar contra todas as críticas movidas por autoridades ou entidades públicas, inclusive o Ministério Público Federal e partidos políticos, à atuação da Polícia Federal e a condução dos atos policiais por seus Delegados de Polícia Federal;

c) Atestar a lisura de seus integrantes na condução das investigações e atos processuais, colocando a instituição como APARTIDÁRIA e sem qualquer interesse no desfecho da campanha eleitoral em curso.

d) Propugnar pela necessidade de adoção de medidas legislativas que assegurem a autonomia orçamentária e financeira da instituição policial, nos moldes do Judiciário e do Ministério Público, garantindo ainda as prerrogativas de inamovibilidade e vitaliciedade a autoridade policial.

Manifesta a FENADEPOL integral respeito ao povo brasileiro e às instituições democráticas do país.

Brasília, 27 de setembro de 2006

Antonio Barbosa Góis - Presidente em exercício da FENADEPOL

Revista Consultor Jurídico, 27 de setembro de 2006, 20h08

Comentários de leitores

2 comentários

Em nome da FENAPEF-Federação Nacional dos Polic...

Edison Tessele (Servidor)

Em nome da FENAPEF-Federação Nacional dos Policiais Federais, entidade que congrega cerca de 10.000 policiais federais e servidores administrativos da PF em todo o Brasil, lamento e, ao mesmo tempo, esclareço que a credibilidade desfrutada atualmente pela POLÍCIA FEDERAL é fruto do trabalho dedicado e exemplar de TODOS os membros da carreira Policial Federal: Agentes, Escrivães, Delegados, Peritos e Papiloscopistas. Em sua Nota a FENADEPOL esquece desse detalhe, destacando apenas a figura do delegado, como se o excelente trabalho que a PF vem fazendo fosse fruto apenas dos membros dessa categoria. Quem faz as investigações para coletar provas e indícios que levam ao resultado final são os AGENTES DE POLÍCIA FEDERAL. A processualística do inquérito é fruto do trabalho não só do delegado, mas também do ESCRIVÃO DE POLÍCIA FEDERAL. As provas colhidas e juntadas aos autos somente são válidas e aceitas judicialmente mediante realização dos laudos periciais eelaborados por PERITO CRIMINAL FEDERAL e/ou PAPILOSCOPISTA POLICIAL FEDERAL, este último no caso da identificação humana. Faço esse registro para mostrar à Sociedade Brasileira que a Polícia Federal somente chegou ao nível em que hoje se encontra em face da alta qualificação do seu quadro fucional, que compreende os cinco cargos da Carreira Policial Federal ora citados, contando ainda com o auxílio dos servidores Administrativos, cujas atividades de apoio devem ser publicamente reconhecidas. O mérito é do conjunto dos policiais federais, até porque as investigações somente com a iniciativa dos delegados sozinhos não chegariam a lugar algum; da mesma forma em relação às demais categorias. Atenciosamente Edison Tessele Diretor de Comunicação da FENAPEF

A Polícia Federal é, ainda, a esperança que tem...

cleisac (Professor Universitário - Consumidor)

A Polícia Federal é, ainda, a esperança que temos nas instituições de policiamento e segurança pública em nosso país. A veiculação depreciativa ou que induz a pensamentos mesquinhos e insinuações medíocres contra essa instituição, merece não só o repúdio deles, policiais federais, como de toda a sociedade que vê o real esforço que esses "heróis nacionais" fazem a fim de construir a nossa democracia.

Comentários encerrados em 05/10/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.