Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Novo comando

Eleições para OAB gaúcha serão no dia 27 de novembro

As eleições para a nova direção da OAB gaúcha serão no dia 27 de novembro das 9 às 17 horas. Além da nova diretoria geral, serão escolhidos os conselheiros seccionais (45 titulares e 22 suplentes), conselheiros federais (três titulares e três suplentes), a diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados (cinco diretores), as diretorias das subseções e dos conselheiros subseccionais.

Ainda não há local para o pleito em Porto Alegre — poderá ser no Foro Central (como em anos anteriores) ou num dos armazéns do Cais do Porto. O prazo para a inscrição das chapas vai até 27 de outubro. As informações são do site Espaço Vital.

Somente poderá votar o advogado regularmente inscrito e que tenha quitado a oitava parcela da anuidade de 2006, com vencimento em 16 de outubro de 2006 e que esteja em dia com o acordo de parcelamento. O advogado suspenso por débito poderá votar desde que tenha cumprido a pena estabelecida pelo Tribunal de Ética e Disciplina e pago integralmente o débito objeto da suspensão.

A OAB gaúcha tem 66.436 advogados inscritos. Nessa quantificação estão incluídos advogados já falecidos, licenciados, com impedimento para advogar e os suspensos por diversos motivos. A suspensão temporária alcança 3.269 inscritos.

Visite o blog Consultor Jurídico nas Eleições 2006.

leia quais são as normas que regulam as eleições

Edital 100/2006; Resoluções 6, 7 e 8/2006; Ato 1/2006 da Comissão Eleitoral

EDITAL 100/2006

CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLÉIA GERAL PARA AS ELEIÇÕES

O Presidente em exercício da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional do Rio Grande do Sul, no uso de suas atribuições e de acordo com o disposto no artigo 63 do Estatuto da Advocacia e da OAB, no art. 128 do Regulamento Geral e Resolução nº 008/2006 do Conselho Seccional, CONVOCA os advogados inscritos na OAB/RS para as eleições da Diretoria da Seccional, dos Conselheiros Seccionais, Conselheiros Federais, da Diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados, da Diretoria das Subseções e dos Conselheiros Subseccionais de acordo com as seguintes normas:

DATA DAS ELEIÇÕES

As eleições serão realizadas dia 27 de novembro de 2006, no horário contínuo das 09 (nove) às 17 (dezessete) horas.

2. PRAZO PARA REGISTRO DAS CHAPAS:

a) O prazo para registro das chapas terá seu termo final às 18 (dezoito) horas do dia 27 (vinte e sete) de outubro de 2006, no Protocolo da Entidade, Rua dos Andradas, 1261 – 5º andar.

b) Nas subseções em que houver Subcomissão Eleitoral, as chapas concorrentes à Diretoria das Subseções serão registradas, no prazo referido neste edital, nas respectivas Secretarias.

3. LOCAL DAS VOTAÇÕES:

Na capital, a votação será realizada em local a ser designado pela Diretoria da Seccional que será amplamente divulgado aos advogados gaúchos e nas demais Comarcas do Estado, nas sedes das Subseções, no Foro local ou em locais designados pelos respectivos Presidentes.

4. COMPOSIÇÃO DAS CHAPAS:

a) A chapa para o Conselho Seccional deverá ser composta de 45 (quarenta e cinco) Conselheiros Titulares; 22 (vinte e dois) Conselheiros Suplentes; 03 (três) Conselheiros Federais Titulares; 03 (três) Conselheiros Federais Suplentes e de 05 (cinco) Diretores para a Caixa de Assistência dos Advogados do Rio Grande do Sul.

b) A cédula eleitoral será única, contendo as chapas concorrentes, na ordem que forem registradas, com uma quadrícula ao lado de cada denominação e agrupadas em colunas, observada esta seqüência: 1. denominação da chapa e nome do candidato a Presidente, em destaque; 2. nome dos candidatos aos cargos de Diretoria do Conselho Seccional; do Conselheiros Seccionais; dos Conselheiros Federais; dos candidatos aos cargos de Diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados.

c) A chapa para as Subseções deve ser composta de 05 (cinco) Diretores (Presidente, Vice-Presidente, Secretário-Geral, Secretário-Geral Adjunto e Tesoureiro) mais os candidatos ao Conselho Subseccional, conforme Resolução nº 008/2006, do Conselho Seccional.

5. SISTEMA ELETRÔNICO DE VOTAÇÃO E APURAÇÃO

Observado os requisitos previstos no art. 132 do Regulamento Geral do EOAB, poderá adotar-se o sistema eletrónico de votação e apuração, desde que presentes as condições de viabilidade técnica e operacional para tanto.

6. PRAZO PARA IMPUGNAÇÃO

O prazo, tanto para impugnação das chapas, quanto para defesa, é de 03 (três) dias úteis, contados, o primeiro, da publicação do registro das chapas e, o último, da intimação do impugnado, e de 05 (cinco) dias úteis para decisão da Comissão Eleitoral.

7. OBRIGATORIEDADE DO VOTO

a) O voto é obrigatório para todos os advogados inscritos na OAB/RS, sob pena de multa equivalente ao valor de 20% (vinte porcento) da anuidade, salvo ausência justificada por escrito, no prazo de 30 (trinta) dias, contados da data da eleição, que será apreciada pela Diretoria do Conselho Seccional.

Revista Consultor Jurídico, 26 de setembro de 2006, 7h03

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/10/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.