Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Interesse público

Distribuidoras de energia contestam cobrança da taxa de solo

A Associação Brasileira de Distribuidoras de Energia Elétrica recorreu ao Supremo Tribunal Federal contra as normas estaduais que cobram pelo uso de faixas em torno das rodovias estaduais e federais. A Ação Direta de Inconstitucionalidade contesta a os artigos 1º e 4º, caput e parágrafo único da Lei 13.516/05 e o Decreto 3.930/06, de Santa Catarina.

A associação alega que os dispositivos extrapolam a competência estadual de legislar sobre a matéria, ferindo a Constituição Federal em relação ao princípio federativo e às competências da União sobre energia.

“Os dispositivos usurpam a competência da União para legislar sobre energia elétrica; afrontam o princípio da proporcionalidade, o princípio do equilíbrio econômico-financeiro dos contratos de concessão, e a exigência de lei nacional que disponha sobre o regime das empresas concessionárias e permissionárias de serviço público federal”, sustenta a associação.

A associação argumenta que a energia é um bem essencial à população, constituindo serviço público indispensável, subordinado ao princípio da continuidade de sua prestação. “O interesse público do Estado, sem prejuízo de sua importância, estaria prejudicando interesse público primário do país”, ressaltou.

ADI 3.798

Visite o blog Consultor Jurídico nas Eleições 2006.

Revista Consultor Jurídico, 22 de setembro de 2006, 12h55

Comentários de leitores

1 comentário

STF - Brasília, quinta-feira, 21 de setembro de...

Luiz P. Carlos (((ô''ô))) (Comerciante)

STF - Brasília, quinta-feira, 21 de setembro de 2006 - 10:04h http://www.stf.gov.br/noticias/imprensa/ultimas/ler.asp?CODIGO=208966&tip=UN¶m= STF impede TJSP paulista de analisar normas Estaduais e Municipais em face da Constituição Federal. ADI-347

Comentários encerrados em 30/09/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.