Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Comunicação a serviço

Juízes usam blog para informar sobre seu trabalho

Por 

O blog, a forma mais ágil e informal de comunicação da internet, foi o recurso utilizado por dois juizes de São Paulo para suprir a falta de uma rede oficial de informação. O desembargador Ivan Sartori, do Órgão Especial do Tribunal de Justiça de São Paulo e o juiz Tadeu Zanoni, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Osasco, já há algum tempo comunicam-se com seus respectivos públicos através de suas páginas pessoais na rede mundial de computadores.

Zanoni, que acumulou experiência na área com um blog pessoal , vem colocando na rede as informações sobre o seu trabalho na vara em que atua desde junho último. “Eu não sei se eu tive a idéia antes ou depois do Sartori, mas acredito que os dois blogs começaram na mesma época.”

Para Zanoni, a intenção de fazer o blog é divulgar as notícias da vara para os advogados que atuam na área. O blog tem espaço para sugestões dos leitores, mas por ser pouco conhecido ainda não recebe muitos comentários.

O juiz costuma escrever uma vez por mês fazendo o balanço das atividades. “Apesar das poucas atualizações, escrevo um pouco narrando as desventuras”. No último post ele conta:“Passamos de mil sentenças em agosto. Foram cerca de mil e quinhentas. Mais de quatro mil processos passaram pela minha mão. Uma ordem de serviço está vigorando desde primeiro de setembro para que as execuções fiscais possam ter um andamento mais rápido. É a mesma ordem que vigora em São Paulo desde 1995 e em Cotia desde 2000. Impressionante que não tivesse sido adotada ainda em Osasco.”

Blog especial

Já a intenção do desembargador Ivan Sartori ao criar o seu blog é de informar os juízes de todo o estado sobre o que acontece no Órgão Especial. Os seus comentários dão uma atenção maior às questões administrativas e às propostas apresentadas pelo Órgão Especial. O blog já conta com cerca de três mil acessos. “A comunicação entre o Órgão Especial e os demais juízes sempre foi um pouco difícil, por isso pensei em possibilitar esse acesso”.

Clique aqui. para acessar o blog do desembargador Sartori

Clique aqui. para acessar o blog do juiz Zanoni

Visite o blog eleitoral da Consultor Jurídico clicando aqui.

 é repórter do jornal DCI.

Revista Consultor Jurídico, 9 de setembro de 2006, 7h00

Comentários de leitores

3 comentários

Pela minha experiência de cartorário, imagino q...

Michael Crichton (Médico)

Pela minha experiência de cartorário, imagino que muitas dessas sentenças tenham sido proferidos em casos nos quais os executados nem sequer foram citados. Quem não conhece a realidade dos anexos fiscais não imagina como isso é comum. O comentarista abaixo poderia tentar conhecer melhor a realidade antes de se lançar fazendo comentários maldosos e preconceituosos.

Impressionante ! E quem elaborou essas sentenç...

Dr. Luiz Riccetto Neto (Advogado Sócio de Escritório - Criminal)

Impressionante ! E quem elaborou essas sentenças mais de 1000 sentenças ASSINADAS pelo juiz Tadeu Zanoni nesse mês de agosto ? Quantos volumes tinham em média os processos relativos a cada uma dessas sentenças ? O juiz Tadeu Zanoni LEU todos os volumes desses processos antes de ASSINAR tais sentenças ? Será que o juiz Tadeu Zanoni pensa em como se sentem os jurisdicionados e quem os representa (advogados) diante de tal situação do Poder Judiciário ???

...parabéns às iniciativas republicanas e democ...

Robespierre (Outros)

...parabéns às iniciativas republicanas e democráticas dos 2 desembargadores. quiçá, o exemplo frutifique.

Comentários encerrados em 17/09/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.