Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Direito Constitucional

Gilmar Mendes ganha série de livros com o seu nome

Fronteiras da Hermenêutica Constitucional é o nome do primeiro livro da Coleção Gilmar Mendes, lançada recentemente pela Editora Método. O livro foi escrito pelo professor André Ramos Tavares. De acordo com ele, o nome da série é uma forma de homenagear o ministro do Supremo Tribunal Federal.

A idéia é reunir estudos jurídicos sobre Direito Constitucional, tanto de autores nacionais como estrangeiros. O professor explica que a coleção também é um meio de divulgar teses de mestrado e doutorada sobre o assunto.

“A larga cultura jurídica e seriedade acadêmica do homenageado (ministro Gilmar Mendes) servem, concomitantemente, como estímulo e paradigma para todos aqueles preocupados com o estudo do Direito”, diz o professor.

Na primeira obra da coleção, André Ramos Tavares procura desvendar as fronteiras da interpretação constitucional que, diz ele, “não podem se resumir nem ao textual nem ao abstrato”. Ao longo de quatro capítulos, o professor procura explicitar a abertura da Constituição e de sua hermenêutica, tanto no sentido material como no formal.

Os ensinamentos do ministro também são admirados por internautas no Orkut, site de relacionamentos. Ele é homenageado em uma comunidade chamada “Sou fã do ministro Gilmar Mendes”. Na descrição, a comunidade afirma que “a intenção é fomentar um debate sobre seus livros e votos” e “cada vez mais tirar proveito de suas lições”.

Perfil

André Ramos Tavares é professor dos Programas de Doutorado e Mestrado em Direito Constitucional da PUC de São Paulo. É também visiting research scholar na Cardozo School of Law, em Nova York, e presidente do Instituto Brasileiro de Estudos Constitucionais.

Revista Consultor Jurídico, 8 de setembro de 2006, 16h38

Comentários de leitores

1 comentário

Uma justa homenagem!

Milton Córdova (Advogado Autônomo)

Uma justa homenagem!

Comentários encerrados em 16/09/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.