Consultor Jurídico

Comentários de leitores

8 comentários

O grande problema dos JEF é que faltam servidor...

Inácio Henrique (Serventuário)

O grande problema dos JEF é que faltam servidores, no Rio de Janeiro temos varas do juizado com um acervo de 15.000 processos e apenas 9 servidores, agora pensem: quando alguém entra de férias ou falta ao serviço por qualquer motivo? No Espírito Santo não é diferente o número de processos é enorme e ainda temos as vara do interior onde os problemas são maiores, pois se o juiz titular estiver aussente por férias, por exemplo, corremos o risco de ficar sem juiz na vara, pois via de regra o substituto fica respondendo por duas varas, sendo que a mais próxima é a 100 Km. isso mesmos 100 Km. de distância. Penso que as varas da Justiça Federal que funcionam no interior poderiam contar também com um substituto, pois facilitaria sobremaneira e andamento dos processos, tanto do juizado como da justiça comum, resaltando-se que uma vara do interior detêm competencia plema, ou seja, temos processos criminais, cíveis, execuções fiscais e os juizados especiais que funcionam, na maioria dos casos, adjuntos à vara federal. É imperioso que se realize concursos o mais rápido possívbel, e que se dê treinamento aos nosvos servidores, para poderem, assim, bem desempenhar seu "mister".

O judiciário poderia fazer um acordo de coopera...

jorgecarrero (Administrador)

O judiciário poderia fazer um acordo de cooperação com a Petrobras e explorar poços... de vergonha. Estamos caminhando para o caos!

O dia que este País ficar sério, teremos povo e...

Murassawa (Advogado Autônomo)

O dia que este País ficar sério, teremos povo e justiça séria, pois, sabemos bem que a criação de Juizados Especiais, Núcleo de Arbitragem, Comissão de Conciliação Prévia, etc, foi com único proposito, criar emprego e meios de ganhar sem fazer nada, vez que ninguém está preocupado em efetivamente produzir e fazer deste País próspero.

Emílio César Puime Silva (Advogado) A situação...

Puime (Advogado Autônomo)

Emílio César Puime Silva (Advogado) A situação de colapso já era prevista? Então, porque não tomaram providências, aumentando o n° de varas, servidores e equipamentos, para fazer frente a demanda. Lamentável, gostaria de acrescentar que também, tenho uma ação no JEF com audiência marcada para 04/2008. E ainda, os Juizados especiais estaduais, também, estão com o msmo problema, audiência estão sendo marcadas para daqui há 1(um) ano. Justiça que tarda, é Justiça falha.

sorria, voce entrou na justiça e ficou numa fri...

advogado curioso (Advogado Autônomo)

sorria, voce entrou na justiça e ficou numa fria, frases de um bom baiano ou de uma mineiro querendo virar baiano, justiça para que, em 1990 o forum de Porto Alegre ja era informatizado, em São Paulo, na Lapa, Santo Amaro, Praia Grande e todos os outros raramente funcionam, mas acreditem que em São Jose dos Campos ainda não consta na Internet, acreditem se quiserem, mas não acreditam, então vejam, tentem acessar e verificar algo na Justiça Estadual.

MAS, QDO É PARA COBRAR O CONTRIBUINTE A JUSTIÇA...

Ramos Jr. (Advogado Autônomo)

MAS, QDO É PARA COBRAR O CONTRIBUINTE A JUSTIÇA FEDERAL É MEGA RÁPIDA E TRATA DE EXPROPRIAR O QTO ANTES OS BENS DOS COITADOS DOS SÓCIOS DE UMA PESSOA JURÍDICA SE ESTA NÃO TIVER BENS. PAÍS DO FUTURO NÃO, PAÍS DO PRESENTE.

Sou Juíza de Direito titular do único JECC da c...

ana raquel (Juiz Estadual de 1ª. Instância)

Sou Juíza de Direito titular do único JECC da cidade Juazeiro do Norte(CE), a qual ostenta o número aproximado de 300.000 habitantes. A demanda processual na unidade jurisdicional em questão aumenta a cada dia e estamos com pouco mais de 5.000 processos em trâmite, consideradas as competências cível e criminal. Mas, para nossa alegria, estamos conseguindo, a par de muito esforço, imprimir aos feitos cíveis ordinários um prazo de tramitação que está variando de 3 a 6 meses, com tendência ainda de redução. É claro que a carga de feitos na JF é incomparavelmente maior, mas nada que alguns ajustes de percurso não possam solucionar.

Eu sempre digo. A Justiça Federal não é senhora...

Marcos (Outro)

Eu sempre digo. A Justiça Federal não é senhora da própria competência. O melhor é extingui-la ou unifica-la com as justiças dos Estados que há muito está interiorizada no pais inteiro. Aqui no noroeste paranaense as ações previdenciárias são propostas na justiça estadual (CF/109) e são julgadas em tempo muito inferior se propostas nos JEF de Paranavai/PR. A diferença chega ser em torno de 01 ano ou mais.....

Comentar

Comentários encerrados em 28/10/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.