Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Informações desatualizadas

MPE goiano diz que relatório de votos para deputado está errado

O procurador-regional eleitoral em Goiás Hélio Telho Corrêa Filho ajuizou reclamação eleitoral, na sexta-feira (6/10), questionando o resultado final das eleições para deputado estadual apresentado pela comissão apuradora do Tribunal Regional Eleitoral.

De acordo com a Procuradoria, Luiz Gonzaga Carneiro de Moura e Aderaldo Cunha Barcelos, candidatos a deputado estadual pelo PSDB, estavam com o registro de candidatura deferido pela Justiça no dia das eleições, mas não figuraram no relatório do resultado da totalização de votos.

Os dois candidatos inicialmente tiveram seus registros indeferidos pelo TRE-GO. Mas, recorreram ao Tribunal Superior Eleitoral, que acolheu o recurso e deferiu a candidatura.

Ainda segundo a Procuradoria, os candidatos a deputado estadual Lúcia Helena Rincon (PCdoB) e Nédio Leite Assunção (PP), embora com registros de candidatura indeferidos pela Justiça Eleitoral, figuraram na relação de votação por partido/coligação. Nédio Leite Assunção chegou a ser eleito.

Os dois, embora com as candidaturas impugnadas pela PRE, obtiveram do TRE-GO decisões favoráveis. Todavia, a Procuradoria Regional Eleitoral recorreu ao TSE que, um dia antes das eleições, deu provimento aos recursos, indeferindo os registros.

Na Reclamação ao TRE, o procurador Helio Telho pede que o relatório final dos votos seja atualizado, com a inclusão de candidatos que obtiveram o registro da candidatura e exclusão daqueles que não obtiveram. O procurador pede que a Comissão Apuradora faça um criterioso levantamento para verificar a eventual existência de outros casos semelhantes aos apontados e proceda às devidas correções.

Visite o blog Consultor Jurídico nas Eleições 2006.

Revista Consultor Jurídico, 9 de outubro de 2006, 13h51

Comentários de leitores

1 comentário

Ê Goiás!!!!!

Ricardo Occhi (Advogado Associado a Escritório)

Ê Goiás!!!!!

Comentários encerrados em 17/10/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.