Consultor Jurídico

Comentários de leitores

19 comentários

Orçamento 2006 - Proposta Orçamentária ...

Lally (Advogado Autônomo)

Orçamento 2006 - Proposta Orçamentária À Comissão de Orçamento e Contas; À Diretoria; Ao Conselho Seccional. Tenho a honra de encaminhar a Proposta Orçamentária desta Secção para o exercício de 2006, para a devida apreciação e discussão, a qual foi precedida de cuidadoso e acurado estudo dos benefícios instituídos aos/às advogados/as, ora mantidos, e de seus reflexos financeiros para a Entidade. O presente orçamento é resultado da forma participativa adotada em sua elaboração envolvendo todos os Departamentos da Seccional, Subsecções e Escola Superior de Advocacia, procurando atender ao anseio particular de cada uma das áreas sem esquecer da OABSP como um todo. Considerando que os ajustes da economia do país tem imposto às diversas categorias profissionais e à advocacia em particular, restrições orçamentárias para sua atuação profissional, a Diretoria desta Seccional, revisou as propostas orçamentárias de seus Departamentos e Subsecções tomando o cuidado para não prejudicar a qualidade de seus serviços à classe. Durante o ano de 2005, esta Seccional ampliou de forma significativa a prestação de serviços aos advogados. Apenas como exemplo, cite-se o serviço de intimações eletrônicas, disponível a todos os advogados e estagiários paulistas, gerando cerca de 60.000 consultas diárias, que deverão ser ampliadas com a disponibilização, a partir do mês em curso, das intimações do Diário Oficial da União. Também a infra-estrutura de atendimento aos advogados paulistas foi objeto de ampliação. Foram inauguradas, até o presente momento do ano de 2005, 23 novas salas de advogados em Foros por todo o Estado de São Paulo, além das 21 salas inauguradas no ano passado. Para cada Sala do Advogado, há no mínimo necessidade de investimentos com estrutura de atendimento, além de acréscimo de despesas fixas, com funcionário e com locação de equipamento reprográfico. Novos importantes serviços, como a implementação definitiva da Previdência do Advogado, a OAB-PREVI-SP, em parceria com a CAASP, e instalações estão sendo planejados para o ano de 2006. Apesar dessa ampliação de serviços e instalações, nos anos de 2005, e os projetos para 2006, e seus respectivos aumentos de custos fixos, estamos projetando, para 2006, a contribuição anual de advogados e sociedades de advogados sem acréscimo, apenas com reajuste do valor, considerando os índices inflacionários no período. Assim é que os valores das anuidades de Advogados/as e Estagiários/as, foram corrigidos em 5% (cinco por cento), ou seja, com valor de R$630,00 (seiscentos e trinta reais) e R$237,30 (duzentos e trinta e sete reais e trinta centavos) respectivamente. Outrossim, foram mantidos os descontos concedidos na seguinte forma: 10% para pagamento em cota única e 5% para pagamento em duas cotas semestrais. A correção aplicada de 5% ainda, agregada à correção utilizada em 2005 de 9,09% e, considerando a faixa de desconto máximo para pagamento em parcela única, totalizando 28,8%, não atingirá a defasagem existente no período, de 33,0% (variação do IPC/FIPE no período de 2002 a 2005, estimando-se 5% para o corrente ano). Também, adotou-se para as contribuições de sociedades e para taxas e emolumentos o mesmo porcentual de acréscimo. Para o exercício orçamentário de 2006 as despesas para manutenção da entidade foram reajustadas em média em 6%, exceção feita à Folha de Pagamento, para a qual prevemos um reajuste salarial de 8% em maio (data base) e 2% por avaliação em novembro em relação ao exercício de 2005. Continuamos em negociação com o Governo do Estado que já separou em seu orçamento verba para custos da administração da Assistência Judiciária absorvida por terceiros e estamos na fase de análise por parte da PGE com o oferecimento da abertura de nossos registros para comprovação de tais despesas. Ainda, é importante frisar a atuação desta Diretoria sobre a inadimplência da OABSP. Desde abril foram notificados aproximadamente 55.000 inscritos com anuidades em atraso. A partir de junho, parte desses inscritos foi encaminhada ao Tribunal de Ética, tendo sido notificados pelo Tribunal cerca de 11.000 inscritos desde então. O resultado desse trabalho, além do reconhecimento dos adimplentes, foi o recebimento de créditos vencidos, até o mês de setembro, 43% superior aos atrasados do mesmo período do ano anterior. É previsto que esse percentual evoluirá a 60% até o final do ano. Esse trabalho teve também efeito positivo sobre as anuidades de 2005, melhorando sua performance de recebimentos. Como resultado, a inadimplência geral da OABSP reduziu-se de 28% no início do ano para 20% em outubro. A continuidade dessa operação é fator crítico para que a inadimplência possa reduzir-se a níveis gerenciáveis. Para a cobrança das anuidades do exercício de 2006 deverão ser observadas as seguintes diretrizes: a) Parcelamento da anuidade em dez (10) vezes; b) Incidência multa de 2% (dois por cento) sobre o montante após os vencimentos respectivos, atualização monetária de 0,41% (zero virgula quarenta e um por cento) ao mês (estimativa de inflação), juros moratórios de 1% (um por cento) ao mês sendo os dois últimos expressos em reais por dia de atraso; c) Redução de até 50% (cinqüenta por cento), de forma escalonada, para os/as advogados/as com até 4 (quatro) anos de inscrição, a partir de 1º de janeiro de 2003; d) Adoção de estímulo para os/as advogados/as com anuidades em atraso quitarem suas obrigações, objetivando a regularização dos atuais inadimplentes; e) Manter a isenção dos/as advogados/as com 70 (setenta) anos de idade e, cumulativamente, com 35 (trinta e cinco) anos de contribuições estatutárias, em dia. A previsão de arrecadação da Receita Líquida Total é de R$87.285.893 (oitenta e sete milhões, duzentos e oitenta e cinco mil, oitocentos e noventa e três reais). Essa cifra exclui as contribuições estatutárias (Conselho Federal da OAB, Fundo Cultural e CAASP) no valor de R$50.126.974 (cinqüenta milhões, cento e vinte e seis mil, novecentos e setenta e quatro reais), correspondendo a 42,7% (quarenta e dois vírgula sete por cento) das Receitas Ordinárias, em conformidade com o Regulamento Geral da Advocacia. A previsão de Despesa Total é de R$87.115.501 (oitenta e sete milhões, cento e quinze mil, quinhentos e um reais). Um acordo promovido pelo Conselho Federal, pelas Caixas de Assistência dos Advogados e pelas Seccionais de todo o país foi decisivo para, a partir da compreensão das necessidades financeiras das respectivas infra-estruturas, reduzir os repasses ao Conselho Federal de 15% para 10%, e para as Caixas de Assistência, de 27,5% para 20%, já praticados em 2005, sob o compromisso, por parte das Seccionais, de promover o repasse integral e tempestivamente, o que vem sendo devidamente honrado por esta Seccional. Esclareça-se também que as anuidades atrasadas, referentes a exercícios anteriores a 2001, destacadas na Proposta, terão seu valor corrigido pela UFESP e, se forem objeto de novação (parcelamento), terão a partir do novo vencimento, nos pagamentos em atraso, aplicação de atualização monetária pelo IPC (FIPE), multa de 2% (dois por cento) sobre o valor atualizado, e juros de 1% (um por cento) ao mês. As anuidades, correspondentes aos exercícios a partir de 2001, para pagamento em atraso, como foram estipuladas em reais, sofrerão a incidência das penalidades estabelecidas no orçamento aprovado, do exercício em referência. Os valores das anuidades, contribuições de sociedades, taxas e emolumentos a serem praticados em 2006, bem como os vencimentos, estão no Anexo I. A inadimplência estimada para o exercício de 2006 é de 22%, baseada na tendência de performance observada no exercício 2005. Oportuno frisar que, quanto à Contribuição Estatutária destinada ao Fundo Cultural, está sendo destinada verba para manutenção da Escola Superior de Advocacia, Escritório Experimental, Departamento de Cultura e Biblioteca na respectiva ordem. Todas as rubricas, tanto de Receita quanto de Despesa, acham-se devidamente discriminadas no orçamento ora apresentado. Assim, submetemos à Comissão de Orçamento e Contas, à Diretoria e, em seguida, ao Egrégio Conselho Seccional, nossa Proposta de Orçamento para o exercício de 2006. São Paulo, 17 de outubro de 2005. Marcos da Costa Diretor Tesoureiro

Orçamento 2006 - Resultado Anual 2006 ...

Lally (Advogado Autônomo)

Orçamento 2006 - Resultado Anual 2006 Orcado Total Receitas Ordinárias 117.298.046 5.1.001.00 - RECEITAS DE ANUIDADES PESSOA FÍSICA 106.107.800 5.1.002.00 - RECEITAS DE CONTRIBUIÇÕES PESSOA JURÍDICA 3.775.640 5.1.003.00 - RECEITAS DE INSCRIÇÃO 2.536.195 5.1.004.00 - RECEITAS DE TAXAS E EMOLUMENTOS 3.940.729 5.1.005.00 - RECEITAS DE MULTAS 748.775 5.1.006.00 - ATUALIZAÇÃO MONETÁRIA DE ANUIDADES 188.908 5.1.008.00 - RECEITAS DE PARCELAMENTOS - Total Receitas Extraordinárias 43.583.050 5.2.001.00 - RECEITAS DE CONCURSO 10.237.500 5.2.002.00 - RECEITAS DE SERVIÇOS 14.918.728 5.2.003.00 - RECEITAS DIVERSAS 3.180.772 5.2.004.00 - OUTRAS RECEITAS 13.408.276 5.2.005.00 - RECEITAS FINANCEIRAS 1.837.774 Total Receitas 160.881.096 Total Contribuições Estatutárias (50.126.974) 5.3.000.01 - (-) Contribuições ao Conselho Federal (15.941.592) 5.3.000.02 - (-) Contribuições ao Fundo Cultural (5.616.864) 5.3.000.03 - (-) Contribuições a CAASP (28.568.517) Total Custos das Receitas (23.638.607) 5.4.001.00 - (-) CUSTOS DAS RECEITAS ORDINÁRIAS (4.703.092) 5.4.002.00 - (-) CUSTOS DAS RECEITAS EXTRAORDINÁRIAS (18.935.515) Receita Líquida 87.115.516 Total Despesas Ordinárias 112.486.741 7.1.001.00 - DESPESAS COM PESSOAL 42.117.515 7.1.002.00 - DESPESAS COM ENCARGOS SOCIAIS 14.688.826 7.1.003.00 - DESPESAS COM OCUPAÇÕES 5.692.329 7.1.004.00 - DESPESAS COM UTILIDADES 11.998.021 7.1.005.00 - DESPESAS COM MATERIAS 5.625.388 7.1.007.00 - DESPESAS COM ALIMENTAÇÃO 1.395.690 7.1.008.00 - DESPESAS COM VEÍCULOS PRÓPRIOS 402.677 7.1.009.00 - DESPESAS COM VIAGENS E LOCOMOÇÕES 1.352.410 7.1.010.00 - DESPESAS COM COMUNICAÇÃO 6.681.571 7.1.011.00 - DESPESAS COM CONTRIBUIÇÕES 359.232 7.1.013.00 - DESPESAS NAS SUBSECÇÕES - 7.1.014.00 - DESPESAS NOS NÚCLEOS DA E.S.A - 7.1.015.00 - REUNIÕES E OUTROS EVENTOS 1.022.734 7.1.016.00 - DEPRECIAÇÃO 3.844.853 7.1.017.00 - DESPESAS COM SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA FÍSICA 3.012.523 7.1.018.00 - DESPESAS COM SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA 14.292.971 Total Despesas Extraordinárias 1.511.928 7.2.001.00 - OUTRAS DESPESAS - 7.2.002.00 - DESPESAS FINANCEIRAS 1.511.928 Total Apropriações de Despesas (26.883.153) 7.3.000.00 - REVERSÃO DE RECE. E DESP.DE EXERC.ANTER. - 7.4.000.01 - Apropriação de Despesas ao Fundo Cultural (5.616.864) 7.4.000.02 - Apropriação de Custo (21.266.289) Total Despesas 87.115.516 Resultado Líquido (0) (-) Depreciação (3.844.853) (+) Investimentos 3.844.853 Superavit/ (Déficit) do Período (0)

Não sou de SP... mas digo... porque será que o...

RAFAEL ADV (Procurador do Município)

Não sou de SP... mas digo... porque será que os candidatos brigammm tanto para assumir a oab ???????? será que tiram vantagens diretas e indiretas com isso ??????????? acho que não!!!! ... acho que eles querem defender os direitos e prerrogativas dos advogados.... por isso que gastam tanto em campanhas....... Ah!!! e o papai noel vai vir em Dezembro... e também acredito no coelho da páscoa !!!!!

O comentário do Sr Rafael é próprio, apesar do ...

Vitor (Consultor)

O comentário do Sr Rafael é próprio, apesar do cinismo. Conforme publicado, o orçamento anual da OabSp gira em torno de, nada mais,nada menos, que R$160 milhões de reais. É muita grana! A gestão de um Presidente é de tres anos e nestes tres anos a OAB-SP tem em mãos R$480.000.000,00 (quatrocentos e oitenta milhões de reais).Será esse o motivo de tanta disputa????? Vamos recorrer aos números, simples matemática. 480 milhões de reais divididos por 250 mil advogados são iguais a Um milhão novecentos e vinte mil reais (cada advogado) por mandato. 640 mil reais (cada advogado) por ano e 53 mil reais, por mês por cada advogado.Impressionante.............

Caras Advogadas e Advogados Estas são propos...

Tobaruela (Advogado Sócio de Escritório)

Caras Advogadas e Advogados Estas são propostas de um grupo sério liderado por um Jovem que mostra-se lider nato - Luiz Flávio Borges D'Urso. CHAPA 12 É D'URSO e D'URSO É 12 NOVAS PROPOSTAS DE D'URSO 1. Campanha permanente de valorização da advocacia; 2. Fortalecer ainda mais a defesa das prerrogativas profissionais; 3. Disponibilizar no site todas as palestras realizadas na OAB SP; 4. Estender o plantão 24 horas de defesa das prerrogativas para todo o Estado; 5. Lutar pela liberação dos carros de advogados no rodízio da capital; 6. Manter as gestões junto ao Judiciário, para acelerar o tempo do processo e seus resultados; 7. Implementar as conquistas para Assistência Judiciária junto à Defensoria Pública no novo convênio (nova tabela de honorários); 8. Criar uma linha de crédito para o advogado montar o primeiro escritório; 9. Ampliar ainda mais a rede de farmácias e livrarias da CAASP no interior; 10. Aumentar a rede de convênios em estacionamentos próximos aos Fóruns; 11. Expandir todos os serviços da CAASP; 12. Seguir na luta de apoio ao jovem advogado; 13. Criar o Reclame Rápido para melhorar o atendimento dos advogados nos cartórios e acabar com as filas; 14. Implantar internet nas salas de advogados nos Fóruns; 15. Fazer aprovar as Leis de Defesa da Advocacia e de recuperação do mercado, já propostas pelOAB SP, entre eles a obrigatoriedade de advogados em todos os processos; 16. Integrar os serviços oftalmológicos com a criação da Ótica do Advogado; 17. Fazer aprovar a proposta apresentada pela OAB SP para criminalizar as violações das prerrogativas profissionais; 18. Obter atendimento preferencial aos advogados nos postos do INSS; 19. Expansão do Convênio da Delegacia da Mulher; 20. Ampliar o protocolo integrado na subsecção com a justiça do trabalho; 21. Prosseguir na luta para reduzir as taxas judiciárias; 22. Exigir atendimento preferencial para o(a) advogado(a) acima de 65 anos, para as advogadas gestantes e os(as) advogados(as) portadores de necessidades especiais; 23. Continuar lutando contra todas as formas de invasão do mercado de trabalho dos advogados; 24. Lutar firmemente contra o exercício ilegal da profissão; 25. Implantar uma rede de serviços nas Subsecções para atender, à distância, advogados de outras comarcas;

Vamox fazerrr como nossos colegas aqui no Rio d...

Rubão o semeador de Justiça (Advogado Autônomo)

Vamox fazerrr como nossos colegas aqui no Rio de Janeiro, vamos apear do Poder o continuismo, o conservadorismo, e democratizar nossa querida OAB de tradição republicana e liberal (não o liberal+conservador que resultou no neoliberalismo que arruinou o mundo)!

Eu tô vendo que tão querendo embaralhar os voto...

Rubão o semeador de Justiça (Advogado Autônomo)

Eu tô vendo que tão querendo embaralhar os votos para o Estado-Maior manter o poder. Vamos votar num candidato que efetivamente possa ter possibilidade de vencer o pleito! Não vamos dar o poder novamente a merchan de chocolate!

Caríssimos, outra questão delicada: Qual candid...

Carlos Scarpari Queiroz (Advogado Sócio de Escritório)

Caríssimos, outra questão delicada: Qual candidato se propõe a acabar com a duplicidade de anuidades (pessoa física e pessoa jurídica)?

Ou seja: Mais um candidato entupindo nossa caix...

Carlos Scarpari Queiroz (Advogado Sócio de Escritório)

Ou seja: Mais um candidato entupindo nossa caixa de entrada com e-mails indesejáveis!!! Fica a questão para reflexão e discussão: Qual candidato se coloca à disposição da classe para lutar por advogados passarem a ser contratados com carteira assinada e salário justo e digno? Acho que nenhum....Talvez todos candidatos sejam sócios de bancas, grandes ou pequenas, e jamais lutarão por tal reinvindicação, pois estariam mexendo em seus próprios bolsos, eis que os encargos trabalhistas são altos. Ou seja, nos entopem de lixo virtual e não dão a mínima para a categoria. Pelo fim das contratações nos moldes de "pessoa jurídica". Viva a contratação pela CLT!!! Qual candidato se habilita a abraçar a causa? Ganhará meu voto..e será cobrado!

ESTA LISTA ESTÁ SENDO USADA PELA SITUAÇÃO COM E...

PAULO DE OLIVEIRA (Advogado da União)

ESTA LISTA ESTÁ SENDO USADA PELA SITUAÇÃO COM EXCLUSIVIDADE O QUE MOTIVOU O PEDIDO DA CHAPA PRESIDIDA PELO LEANDRO PINTO. NESTE CLIMA DE AUTORITARISMO MOTIVARAM OUTROS DIVERSOS PEDIDOS DE IMPUGNAÇÃO DO CANDIDATO D´URSO, COMO O USO ILEGAL DE "OUTDOOR", PELA UTILIZAÇÃO DO ONIBUS DA EMPRESA PRESTADORA DE SERVIÇOS À OAB/SP, ABUSO ECONOMICO E USO DA MAQUINA ADMINISTRATIVA. AS ELEIÇÕES PORTANTO ESTÃO "SUB-JUDICE". A ATUAL GESTÃO VEM COLOCANDO AS MANGAS DE FORA E UTILIZANDO-SE DOS PODERES A ELA CONFERIDAS PARA INTERESSES DIFUSOS AOS DA CLASSE. MOSTRAREMOS NOSSA FORÇA NO DIA 30/11 DAS 10HS ÀS 18HS NAS URNAS ONDE RESSOA A VITÓRIA DO ÚNICO CANDIDATO COM PROPOSTAS SÉRIAS, EU VOTO E PEÇO SEU VOTO PARA LEANDRO PINTO PRESIDENTE.

Tô procurando um certo senhor bravo na rede e n...

Rubão o semeador de Justiça (Advogado Autônomo)

Tô procurando um certo senhor bravo na rede e não encontro, acho que era um representante da Justiça Pública que queria processar todo mundo, será que é vontade de integrar outra carreira?

Corremos o risco de termo anuladas as eleições,...

Rubão o semeador de Justiça (Advogado Autônomo)

Corremos o risco de termo anuladas as eleições, onerando o bolso de nós advogados em virtude da inobservância das postagens das propagandas dos candidatos dentro dos 7 dias que antecedem o pleito em que será deposto democraticamente o homem do marketing!

Parabens Dr. Leandro Pinto, há que se ter firme...

Rubão o semeador de Justiça (Advogado Autônomo)

Parabens Dr. Leandro Pinto, há que se ter firmeza e destemor num pleito desigual como este. Bendita seja A MEDIDA CAUTELAR DE EXIBIÇÃO DE DOCUMENTO COM PLEITO LIMINAR!!!!!! Ahhh, nada como um dia atrás do outro, quando este advogado mencionou a negativa da lista aos candidatos e quase foi trucidado!!! Isso é mais um elemento para fundamentar a verdade dos fatos e demonstrar como se pauta essa gestão que tem os dias contados. Até a vitória Oposição! Viva a democracia abaixo a repressão e a truculência!!! Nem mesmo nas atividades de rua vi tanto aviltamento da liberdade de ir e vir, é um avilte à cidadania!!!!! O grande problema é que a lei estabelece um prazo para o enVio das correpondências, tudo milimetricamente levado em consideração pela truculenta situação!

Parabens Dr. Leandro Pinto, há que se ter firme...

Rubão o semeador de Justiça (Advogado Autônomo)

Parabens Dr. Leandro Pinto, há que se ter firmeza e destemor num pleito desigual como este. Bendita seja A MEDIDA CAUTELAR DE EXIBIÇÃO DE DOCUMENTO COM PLEITO LIMINAR!!!!!! Ahhh, nada como um dia atrás do outro, quando este advogado mencionou a negativa da lista aos candidatos e quase foi trucidado!!! Isso é mais um elemento para fundamentar a verdade dos fatos e demonstrar como se pauta essa gestão que tem os dias contados. Até a vitória Oposição! Viva a democracia abaixo a repressão e a truculência!!! Nem mesmo nas atividades de rua vi tanto aviltamento da liberdade de ir e vir, é um avilte à cidadania!!!!!

Primeiramente gostaria de parabenizar o nosso f...

Fabio (Estagiário - Civil)

Primeiramente gostaria de parabenizar o nosso futuro presidente Leandro Pinto e sua chapa, pela maravilhosa e cordial campanha feito em todo o Estado, apesar os obstaculos que a atual gestão vem colocando em seu caminho, mostrando-se desleal com toda oposição e com medo de que lhe tomem o poder do comando da OAB paulista, que mais parece uma ditadura militar, pois somente a situação tem acesso livre e irrestrito aos inscritos com todos os colega já devem ter recebido algum material seja por correio ou e-mail da chapa de situação. Isso é uma vergonha e não podemos coadunar com esta baixaria, queremos renovação, queremos LEANDRO PINTO PRESIDENTE, conheça suas proposta no site www.leandropinto.adv.br

No exercício de 2004, o diretor-tesoureiro dest...

Lally (Advogado Autônomo)

No exercício de 2004, o diretor-tesoureiro destaca que foram adotadas medidas drásticas para conter o déficit. Marcos da Costa: "Encontramos um patrimônio social altamente comprometido por causa de dívidas acumuladas pela gestão anterior com o Conselho Federal e com a Caasp " O Conselho Federal da OAB, por sua 3ª Câmara, acaba de aprovar por unanimidade as contas da Seccional Paulista referentes ao exercício de 2004, primeiro ano da gestão do presidente Luiz Flávio Borges D’Urso à frente da seccional paulista. Em cumprimento de resoluções e provimentos específicos do CF, o balanço foi encaminhado a Brasília no dia 4 de abril de 2005, após fechamento do exercício fiscal de 2004. As contas de 2003, da gestão anterior, ainda não foram aprovadas. Segundo Marcos da Costa, diretor-tesoureiro da OAB SP, o ano de 2004 confirmou as ponderações apresentadas desde o início da gestão, quando da análise de um orçamento aprovado no final de 2003, estruturado sem qualquer critério, divorciado do princípio de previsibilidade que deve nortear a elaboração orçamentária. “Encontramos um patrimônio social altamente comprometido por causa de dívidas acumuladas pela gestão anterior com o Conselho Federal e com a Caasp, em razão da falta dos repasses estatuários”, analisa Costa, ressaltando que se não tivessem sido adotadas medidas drásticas de economia, o déficit orçamentário de 2004 corresponderia a R$ 32 milhões. Como exemplo das conseqüências de orçamento mal elaborado, entre a previsão para pagamento com locação de máquinas de fotocópias e o valor realmente devido, por conta de contratos, apresentava um déficit de R$ 8.431.353. Marcos da Costa destaca, ainda, que esse quadro foi agravado pela supressão da participação da Caasp sobre a taxa judiciária estadual, na ordem de R$ 14 milhões, verba essa que vinha mantendo o funcionamento da Caixa, uma vez que a OAB-SP não vinha promovendo o seu repasse obrigatório, usando os respectivos recursos para financiar seu próprio déficit. “Adotamos, desde o início, diversas medidas para modificação dessa situação, economizando cada centavo, seja do ângulo da recuperação de receitas, seja na vertente da contenção de despesas”, enfatiza Costa. Um dos destaques das medidas de economia, conforme Costa, foi a mudança no relacionamento da Seccional com as subsecções, procurando assegurar um orçamento participativo, com total transparência, inclusive com a abertura, a cada subsecção, de seus números (receitas e despesas), bem como com a introdução da prestação de contas na intranet, dando mais agilidade e segurança às informações financeiras das subsecções, permitindo a todos melhor gestão da entidade. Marcos da Costa lembra também das barreiras enfrentadas no período. Uma delas, a deflagração da greve dos servidores do Poder Judiciário paulista, de maior duração da historia, de 90 dias, que minou os esforços até então bem sucedidos, na recuperação das receitas da entidade, pelos efeitos que gerou nas finanças de toda a classe dos advogados. Como resultado do movimento, a arrecadação de 2004 foi menor que a de 2003, em R$ 5.081.170.“A greve dos servidores também impactou fortemente na receita com prestação de serviços da entidade, com a queda da demanda dos serviços de fotocópias nas salas de advogados dos foros estaduais, embora, por óbvio, seus principais custos, com funcionários e locação de equipamentos, estivessem mantidos no período de greve”, analisa Costa. Para o diretor-financeiro, os resultados destes esforços foram compensadores. “Após muitos anos, esta Seccional cumpriu integralmente com sua obrigação de

Prezado(a) Colega Amanhã, 23 de novembr...

Lally (Advogado Autônomo)

Prezado(a) Colega Amanhã, 23 de novembro de 2.006 (quinta-feira), das 8:00 às 12:00 horas, haverá uma apresentação das propostas de todos os candidatos à Presidência da OAB/SP, na FIESP, localizada na Avenida Paulista, 1.313, Salão Nobre, 15º andar, e, o nosso candidato à reeleição D’Urso, solicita o comparecimento do(a) colega neste evento Para tanto, favor enviar (hoje - 22/11/06) para o Dr. Martim Sampaio, por e-mail (mas@sampaioadvogados.com.br), ou pelo telefone nº 5041-5657, o seu nome completo e número da OAB para que possamos inscrevê-lo(a). Agradecemos, desde já, seu empenho e pedimos, encarecidamente, que compareça a este evento na FIESP

Parabens Dr. Leandro Pinto, há que se ter firme...

Rubão o semeador de Justiça (Advogado Autônomo)

Parabens Dr. Leandro Pinto, há que se ter firmeza e destemor num pleito desigual como este. Bendito seja A MEDIDA CAUTELAR DE EXIBIÇÃO DE DOCUMENTO COM PLEITO LIMINAR!!!!!! Ahhh, nada como um dia atrás do outro, quando este advogado mencionou a negativa da lista aos candidatos!!! Isso é mais um elemento para fumndamentar a verdade dos fatos e demonstrar como se pauta essa gestão que tem os dias contados. Até a vitória Oposição! Viva a democracia abaixo a repressão e a truculência!!! Nem mesmo nas atividades de rua vi tanto aviltamento da cidadania!!!!! durãtdireoria emtyarto mailnglist d,.

Confira abaixo as maiores realizações da Gestão...

Lally (Advogado Autônomo)

Confira abaixo as maiores realizações da Gestão D'Urso: 1. IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA DE PUBLICAÇÕES ON-LINE GRATUITAS Implantação, via internet, do sistema de publicação das intimações do Diário Oficial de São Paulo e da União totalmente gratuitas para os 250 mil colegas e 40 mil estagiários. 2. PRERROGATIVAS PROFISSIONAIS – PROJETO DE CRIMINALIZAÇÃO DAS VIOLAÇÕES Defesa das prerrogativas profissionais de forma intransigente e do projeto de criminalização das violações dessas prerrogativas. Primeiro desagravo em praça pública. 3. GARANTIA DE PERMANÊNCIA DO CONVÊNIO DE ASSISTÊNCIA JUDICIÁRIA COM A OAB Projeto de emenda para manter o convênio da OAB/SP com a Defensoria Pública e negociação da tabela de honorários. 4. CERTIFICAÇÃO ISO 9001 Para arrumar a casa após a descentralização, buscou-se a gestão de qualidade por meio da certificação ISO 9001. 5. VOLTA DA CARGA RÁPIDA Conquista do retorno da carga rápida, de forma a facilitar e tornar menos oneroso o dia-a-dia da advocacia. 6. "SERASA" DA OAB SP Cadastro dos nomes das autoridades que violam as prerrogativas profissionais dos advogados para ser consultado na ocasião das inscrições para indeferir os pedidos dos violadores quando se aposentam. 7. RENOVAÇÃO GRATUITA DA CARTEIRA DO ADVOGADO Fornecimento da nova carteira, sem qualquer custo, para todos os inscritos adimplentes. 8. APERFEIÇOAMENTO DO JORNAL DO ADVOGADO Com nova programação visual, traz seções, mais conteúdo, mais informação e o mesmo compromisso com a verdade junto ao leitor. 9. PLANO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DA OAB SP/CAASP Denominado OABPrevi-SP, é um fundo social-institucional sem fins lucrativos, criado para advogados. 10. AMPLIAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO DA CAASP A OAB SP manteve religiosamente os repasses à CAASP, para realização da ampliação e descentralização de seus pontos e serviços: saúde, dentistas, campanhas, livrarias, farmácias e pontos da Receita Federal. 11. INAUGURAÇÃO DA SALA DO ADVOGADO NO NOVO FÓRUM TRABALHISTA E NA POLÍCIA FEDERAL Um espaço com 324 m2, que possui 24 computadores divididos em ilhas, mesas de trabalho, impressoras e fotocopiadoras, para apoio à advocacia. 12. DIMINUIÇÃO DO VALOR DO XEROX Redução considerável no valor das fotocópias para os membros da OAB SP. As renegociações propiciaramredução de 25% no preço do xerox, que não precisa mais ser subsidiado pela OAB SP. 13. CAMPANHAS Realização de campanhas de comunicação sobre ética, carga tributária e contra o nepotismo, a pedofilia, a violência contra a mulher e a discriminação contra deficientes. 14. DESCENTRALIZAÇÃO POLÍTICA E ADMINISTRATIVA Fortalecimento dos laços entre advogados com a OAB SP em todo o estado, valorizando as subseções, realizando a descentralização política, administrativa e financeira. 15. REALIZAÇÃO DE CURSOS E PALESTRAS Para aprimoramento e atualização profissional de todos os inscritos, foram realizadas mais de 4 mil palestras média de 8 palestras por dia em todo o Estado. 16. SANEAMENTO FINANCEIRO E TRANSPARÊNCIA Contenção de despesas e melhoria na arrecadação das receitas, por meio de uma nova política de administração dos recursos da entidade. A OAB SP não tem um centavo de dinheiro público. É tudo fruto do trabalho do advogado(a). 17. REINSERÇÃO DA OAB SP NA LIDERANÇA E ARTICULAÇÃO DA SOCIEDADE Exposição da OAB SP e da voz da advocacia paulista pela mídia e junto à sociedade, reinserindo a ordem na liderança da sociedade. Quanto mais respeito à OAB, mais respeito à advocacia. 18. CRIAÇÃO DA COLÔNIA DE FÉRIAS DOS ADVOGADOS Construção de apartamentos na colônia de férias às margens do Rio Paraná. 19. AMPLIAÇÃO DOS ESPAÇOS DE APOIO PROFISSIONAL AOS ADVOGADOS Novas salas de Advogados nos Fóruns - 26 Novas Casas dos Advogado - 22 Casas reinstaladas - 56 Total - 104 (e mais 39 reformas e construções em andamento) Computadores adquiridos - 746 A Advocacia Pede Bis!!! Chapa 12!!!!

Comentar

Comentários encerrados em 30/11/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.