Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Eleições nos estados

BA, SC, PE, MT, MS, PA e SE elegem presidentes da OAB

Já foram divulgados os primeiros resultados das eleições nas seccionais dos 26 estados e do Distrito Federal da OAB. Bahia, Santa Catarina e Pernambuco foram os primeiros na rodada de eleições na OAB. Advogados dos três estados foram às urnas nesta quinta-feira (16/11). Também divulgaram o resultados Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará e Sergipe, cuja votação ocorreu nesta sexta (17/11).

No Ceará, a eleição também foi nesta sexta-feira. Mas acabou sendo anulada depois que oposição e situação saíram no tapa após o Superior Tribunal de Justiça ter autorizado inadimplentes a votar. Amapá, Alagoas e Rondônia também fizeram as eleições nesta sexta, mas ainda não divulgaram o resultado.

Na Bahia, a votação foi apertada. Saul Quadros, candidato da oposição, venceu o atual presidente, Dinailton Oliveira, com apenas 63 votos de diferença. Ao todo, 6.990 advogados votaram.

Em Santa Catarina, venceu Paulo Borba, da chapa 1. Seu adversário, o advogado Luis Fernando Roslindo, perdeu por pouco mais de 700 votos.

Assim como na Bahia, o atual presidente da OAB de Pernambuco, Júlio Oliveira, também não conseguiu se reeleger. Jayme Asfora venceu com a diferença de mais de 600 votos.

"Esta é a primeira vez, desde a criação da OAB, que a oposição ganha uma eleição", comemorou Jayme, que terá à disposição um orçamento anual de R$ 5 milhões. A proposta de redução de 30% da taxa de anuidade, lançada pelo candidato oposicionista, foi a principal bandeira da campanha e considerada responsável pelo resultado.

Em Mato Grosso, o atual presidente da OAB estadual, Francisco Anis Faiad, foi reeleito com a diferença de mais de 1,4 mil votos. Ele venceu Paulo Taques.

Fábio Trad foi eleito para presidir a OAB do Mato Grosso do Sul. Com 1510, Trad superou outros três candidatos Oton Nasser (1351 votos), Newlwy Amarilla (1187) e Nery Azambuja (673). No total, votaram 4805 advogados.

No Pará, Angela Sales foi eleita a nova presidente da seccional da OAB, para suceder Ophir Cavancante. Ela venceu com 62% dos votos válidos.

Angela é advogada militante formada pela Universidade Federal do Pará (UFPA), no curso de Direito em 1978, atua nas áreas de Direito Constitucional, Administrativo, Eleitoral, Tributário, Societário, Telecomunicações, Autoral, Trabalhista e Responsabilidade Civil. Foi nomeada juíza eleitoral efetiva do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (2005/2007) e atualmente é vice-presidente da seccional.

Em Sergipe, Henri Clay foi reeleito com 64,2% dos votos válidos. Ele venceu a advogada Aída Mascarenhas Campos com mais de 400 votos de diferença. Henry Clay contou com o apoio de Cezar Britto, conselheiro federal e provável futuro presidente nacional da Ordem.

Os presidentes eleitos:

BA — Saul Quadros

MS — Fábio Trad

MT — Francisco Anis Faiad

PA — Angela Sales

PE — Jayme Asfora

SC — Paulo Borba

SE — Henri Clay

Revista Consultor Jurídico, 17 de novembro de 2006, 22h46

Comentários de leitores

1 comentário

OAB-ES! CHAPA ORDEM & PROGRESSO! OAB-ES 1. D...

Alochio (Advogado Sócio de Escritório - Administrativa)

OAB-ES! CHAPA ORDEM & PROGRESSO! OAB-ES 1. Dia 21.11.2006, os ADVOGADOS E ADVOGADAS do Espírito Santo darão um basta no continuísmo. 15 anos é demais! 2. ORDEM E PROGRESSO! Pela defesa das PRERROGATIVAS. Pela valorização do ADVOGADO e da ADVOGADA! 3. Veja a CHAPA e os IDEAIS. Visite: www.chapaordemeprogresso2006.adv.br. 4. Seja MAIS UM VOTO VENCEDOR.

Comentários encerrados em 25/11/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.