Consultor Jurídico

Honra ao mérito

Lewandowski toma posse na Academia Paulista de Direito

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, toma posse nesta segunda-feira (12/6) da cadeira de número 33 da Academia Paulista de Direito. Ele assume o lugar do jurista Miguel Reale, que morreu em abril deste ano, aos 95 anos.

A cerimônia começa às 19h, no Salão de Atos Tiradentes, no Memorial da América Latina, São Paulo. Lewandowski inaugurou a carreira acadêmica na Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo, em São Paulo.

O ministro também se graduou em Ciências Políticas e Sociais pela Escola de Sociologia e Política de São Paulo. É mestre e doutor em Direito do Estado pela USP e mestre em Relações Internacionais pela Tufts University, em Massachusetts, Estados Unidos.

Nascido em 1948, no Rio de Janeiro, Ricardo Lewandowski tomou posse no STF em março deste ano. O ministro foi juiz do extinto Tribunal de Alçada Criminal de São Paulo por sete anos e desembargador no Tribunal de Justiça de São Paulo por nove anos.

Atualmente, Lewandowski também é ministro substituto no Tribunal Superior Eleitoral do vice-presidente da Corte, ministro Cezar Peluso. O ministro é versado na área criminal e lida bem na área de Direito Público, matéria que lecionou durante muitos anos.

Durante sua passagem pelo extinto Tribunal de Alçada Criminal paulista, Lewandowski tornou-se conhecido por seu estilo diplomático e conciliador. O ministro sempre foi visto como um profissional articulado e ativo na militância corporativa da magistratura.

Fundada em 1972, a Academia Paulista de Direito tem 80 cadeiras — sendo que seis delas estão vagas — preenchidas por respeitados acadêmicos e doutrinadores. Entre eles estão Ives Gandra da Silva Martins, Roque Antonio Carrazza (presidente), Damásio Evangelista de Jesus, Ada Pellegrini Grinover, Wagner Balera e Arnoldo Wald.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 9 de junho de 2006, 13h30

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 17/06/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.