Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Operação Cerol

MP diz ter provas robustas contra acusados de manipular inquéritos

Por 

O Ministério Público Federal informou nesta quarta-feira (26/07) que vai oferecer à 6ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro informações que tornarão mais robustas as acusações contra os envolvidos no esquema de manipulação de inquéritos na Polícia Federal.

Paralelamente ao pedido, a Polícia Federal conduz a toque de caixa suas investigações na Operação Cerol. Especialistas já analisaram boa parte do material apreendido nas casas e nos escritórios dos acusados.

Os 17 presos no último dia 21 e libertados na noite desta terça-feira por decisão do desembargador Abel Gomes, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, estão proibidos de deixar o Rio sem autorização da Justiça. Os que cumprem funções públicas foram afastados do trabalho até conclusão dos processos.

Se a Justiça acolher todas as acusações, os detidos — advogados, empresários e policiais federais — responderão por corrupção, violação de sigilo, contrabando e prevaricação.

 é jornalista.

Revista Consultor Jurídico, 26 de julho de 2006, 21h19

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 03/08/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.