Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Última chance

Assembléia de credores analisa proposta pela Varig dia 17

Por 

Responsável pelo processo de recuperação judicial da Varig, o juiz Luiz Roberto Ayoub marcou para o próximo dia 17 a assembléia de credores que decidirá o futuro da companhia. Os participantes deliberarão se a empresa deve ser vendida por US$ 500 milhões para a VarigLog, sua ex-subsidiária e autora da única proposta que a Justiça do Rio tem em mãos.

Caso o sinal verde seja dado, 24 horas depois, também no Rio, haverá o leilão da Varig. O preço mínimo foi bastante reduzido, isto é, caiu de R$ 277 milhões para R$ 52,8 milhões.

A diminuição tem uma razão. Garantias de receita que a VarigLog projetava passaram a ser consideradas obrigações do futuro comprador. Neste conjunto estão faturamento com o fretamento de aviões e aluguel de imóveis, muitos localizados em pontos de alta rentabilidade.

Estes detalhes tornaram-se públicos nesta terça-feira (11/7), uma vez que os negociadores privados e do judiciário envolvidos ficaram reunidos até altas horas na segunda-feira, na 2ª Vara Empresarial do Rio. O atual presidente da Varig, Marcelo Bottini, é um dos que estão aplaudindo a solução encontrada. “É a melhor proposta”, assinalou.

A exemplo do que aconteceu nos últimos dias, novamente não foi divulgado o montante do décimo-primeiro depósito feito pela VarigLog para manter a Varig no ar. Mas sabe-se que a Infraero recebeu R$ 175 mil a título de taxas aeroportuárias nesta terça-feira.

 é jornalista.

Revista Consultor Jurídico, 12 de julho de 2006, 11h42

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 20/07/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.