Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Cofres da União

Justiça do Trabalho arrecadou R$ 2 bilhões para a União em 2005

A Justiça do Trabalho arrecadou aos cofres da União mais de R$ 2 bilhões, ano passado. Os dados são do Relatório Geral da Justiça do Trabalho de 2005, divulgado pelo presidente do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Ronaldo Lopes Leal, no encerramento do primeiro semestre judiciário de 2006.

A maior parcela do total arrecadado é referente às contribuições previdenciárias (recolhimento para o INSS) relativas às execuções de dívidas trabalhistas – R$ 990.635.687,16. Houve aumento de 3% comparado ao total arrecadado em 2004.

Em segundo lugar, ficam os valores relativos ao recolhimento de Imposto de Renda (IR) sobre as sentenças trabalhistas: foram R$ 956.570.571,73, superior em 28% ao arrecadado em 2004.

O pagamento de custas processuais e emolumentos chegaram a R$ 143.048.240,00, enquanto as multas aplicadas pelas Delegacias Regionais do Trabalho (DRTs) somaram R$ 2.591.011,65.

Revista Consultor Jurídico, 4 de julho de 2006, 11h04

Comentários de leitores

2 comentários

Só faltou dizer que o orçamento aprovado para a...

Maurício (Bacharel)

Só faltou dizer que o orçamento aprovado para a Justiça do Trabalho em 2005 foi de R$ 7,92 bilhões... Depois vieram créditos adicionais... certamente deve ter passado de 8 bi! Certamente cresceu bem mais de 3% sobre 2004. E agora, com a volta dos quintos mais plano de carreira... essa despesa deve chegar em 10 bilhões! Quem sabe aumentar um pouco mais a carga tributária para cobrir isso???

Até onde eu sei, foi o ÓRgão de Arrecadação da ...

Navegadorjuridico (Outros)

Até onde eu sei, foi o ÓRgão de Arrecadação da PGF que arrecadou as contribuições previdenciárias, "presentando" o INSS!! A Justiça do Trabalho apenas é a competente para executar..

Comentários encerrados em 12/07/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.