Consultor Jurídico

Notícias

Foro privilegiado

Decisão do STF pode arquivar ações por improbidade

Comentários de leitores

6 comentários

Parabéns ao ministro Carlos Velloso que se posi...

Georges P. Sellinas (Engenheiro)

Parabéns ao ministro Carlos Velloso que se posicionou contra ao recurso, ao afirmar em seu voto que: "abolir a ação de "improbidade, funcionará como um estímulo à corrupção". É verdade que toda "estratégia" dos crimes cometidos por alguns políticos, e do judiciário, como também, de autoridades etc. tem como principio a corrupção, enriquecimento ilícito e regalias aproveitadas por algumas "altas patentes". É o que ensinam os inúmeros escândalos diariamente apontados e as enormes fortunas que se movimentam, para serem aplicadas nas campanhas eleitorais, principalmente a última campanha presidencial. A corrupção estimulada pela improbidade em pauta é insignificante comparando-a com as vendas de sentenças de alguns juízes do tipo João Carlos da Rocha Mattos, beneficiando: contrabandistas, traficantes, ou beneficiando "lobbistas estratégicos" (videm no site: www.anakonda.com.br) e de algumas autoridades que figuram nas inúmeras operações, executadas ao longo dos últimos anos pela atual administração da Polícia Federal. A CPMI do banestado, geniosamente abafada pelos estrategistas, protegeu duzentos bilhões de dólares, nas mãos dos corruptos e invasores de divisas, conforme apontado pelos responsáveis das investigações, para servirem em campanhas que geraram todos aqueles famosos escândalos de políticos e partidos dos mensalões, criando valeriodutos, delubiodutos e inúmeros outros dutos, ainda abafados por ai. Georges P. Sellinas

O Supremo Tribunal Federal que deveria ser o gu...

PEREIRA (Contabilista)

O Supremo Tribunal Federal que deveria ser o guardiã e tutelar da sociedade brasileira, pelo contrário, protege àqueles que praticam a desordem, o ilícito, quando são detentores das prerrogativas de agentes políticos, agentes públicos, seja qual for a sua inserção no contexto legal. Esse julgamento é um estímulo à impunidade de aproveitadores do erário público em todas as esferas do poder neste país. Parabéns ao Minitério Público em todas as suas instâncias. Com ele, ainda temos uma ligeira sensação do funcionamento da justiça neste Brasil tão desolado pelos descasos do poder público.

Apenas dois esclarecimentos: A sigla AMB signi...

Comunicação - AMB (Jornalista)

Apenas dois esclarecimentos: A sigla AMB significa "Associação dos Magistrados Brasileiros", e o nome correto do presidente da entidade é Rodrigo Collaço. Atenciosamente, Gerência de Comunicação da AMB

Dá vergonha quando o Supremo confunde as coisas...

ius (Advogado Autônomo - Civil)

Dá vergonha quando o Supremo confunde as coisas. Crime e ato de improbidade são institutos distintos, com abordagens diferentes. Além do que, da leitura dos primeiros artigos da lei, até o jejuno percebe a amplitude e a amplicabilidade da imputação de ato de improbidade, independentemente da ação penal, posto que o objeto daquela (improbidade), em verdade, é de direito administrativo.

Realmente, com esse voto manifestado, o Ministr...

fortuna (Bacharel - Criminal)

Realmente, com esse voto manifestado, o Ministro Nelson Jobim mostrou que não qualquer condição de ser presidente ou vice-presidente da República e, talvez, nem juiz. No final o guardião da lei e da moral não tem sido mais o Poder Judiciário, mas o Ministério Público. Parabéns ao Ministério Público, último guardião de alguma decência neste País, que se diz "república", mas é uma "propriedade particular", por isso, "mantenha distância".

Como disse, com razão, o comentarista Arnaldo J...

legis.zip.net (Outros)

Como disse, com razão, o comentarista Arnaldo Jabor, os Ministros do Supremo se consideram os Deuses do Olimpo, desprezando as opiniões e os anseios de nós, pobres mortais.

Comentar

Comentários encerrados em 22/01/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.