Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Ajustamento de conduta

Ceagesp vai indenizar famílias vítimas de desabamento de muro

A Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp) vai indenizar as famílias da Favela Moinho que tiveram seus bens destruídos pelo desabamento de um muro. A Ceagesp firmou um termo de ajustamento de conduta com a Defensoria Pública do Estado de São Paulo.

O desabamento do muro aconteceu no dia 4 de dezembro. Houve pressão sobre o material do galpão da Ceagesp que fazia divisa com a favela. O acordo vai beneficiar 20 pessoas de 5 famílias.

A Ceagesp também se comprometeu a reconstruir o muro para que suporte a pressão do acúmulo de materiais no galpão e não haja um novo desabamento.

Revista Consultor Jurídico, 29 de dezembro de 2006, 18h05

Comentários de leitores

1 comentário

É o fim da picada mesmo essa "justiça". Essa f...

RCapecci (Contabilista)

É o fim da picada mesmo essa "justiça". Essa favela vai se "instalar" em local proibido/indevido, sem qualque licença ou autorização do poder público - acontece esse imprevisto e a CEAGESP ainda tem que indenizar os "moradores"??!! Lembram-se daquela favela em Santos que foi incendiada devido a vazamento(perfurações ?) e a Petrobrás teve que indenizá-los ? É a Justiça .

Comentários encerrados em 06/01/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.