Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Resistência superfaturada

Japonês é condenado por falsificar dados de resistência de prédios

Por 

A Corte Distrital de Tóquio condenou o arquiteto Hidetsugu Aneha, 49 anos, por afirmar falsamente que edifícios eram resistentes a terremotos, segundo o site Findlaw.

Os juízes japoneses afirmaram que, ao falsificar dados estruturais, o arquiteto permitiu construtores a cortar custos em mais de 200 projetos. Foi estipulada fiança de US$ 15 mil ao arquiteto.

O escândalo chacoalhou os padrões de conduta japoneses, rigorosos no controle de segurança de edificações. O governo do país, agora, patrocina a mudança das pessoas que vivem nesses prédios. Todos os quase 200 edifícios arquitetados por Hidetsugu Aneha estão sendo esvaziados paulatinamente.

 é repórter especial da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 27 de dezembro de 2006, 7h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/01/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.