Consultor Jurídico

Artigos

Viver o Brasil, hoje!

Nos tornamos uma sociedade cênica, cínica e tanática

Comentários de leitores

10 comentários

Essa nossa realidade são os excrementos de noss...

MARCELO TRINDADE (Estudante de Direito)

Essa nossa realidade são os excrementos de nossa elite composta de mercenários, estrupadores, assassinos e ladrões, outrora, nascida em 1500.

Jesus não tem dentes no país dos bangelas.

MARCELO TRINDADE (Estudante de Direito)

Jesus não tem dentes no país dos bangelas.

Não é por nada não, mas eu acho que seria "...

Richard Smith (Consultor)

Não é por nada não, mas eu acho que seria "tanatológica" e não "tanática", hein? Por caridade, cuidemos de não contribuir para espancar um pouco mais a "última flor do Lácio".

O caldo está engorssando... Espero que todos aq...

toca (Professor)

O caldo está engorssando... Espero que todos aqueles que gozam de privilégios (carros oficiais, seguranças com armamento pesado, etc.)fiquem, como eu e tantos Zé's e Marias deste Brasil afora, sujeitos ao banditismo e à insegurança. Que os privilegiados tenham medo de sair à noite e até de dia. Que sofram com o quadro tétrico que é a Segurança neste país de ninguém, pois só assim acredito que a situação possa mudar. Deixa o homem trabalhar... deixa... deixa... deixa...

Há mais de 30 anos ouví de um amigo quando disc...

maria (Outros)

Há mais de 30 anos ouví de um amigo quando discutíamos a respeito das desigualdes sociais e o descaso à "dignidade" humana: -"Todos são iguais perante a Lei mas parece que alguns são MAIS IGUAIS que outros".. -"A Lei é para todos, para os amigos a justiça!". O caos é geral. A humanidade está doente e a palavra honra caiu em desuso. Durante anos, como Assistente Social a tragédia social (violência, miséria, etc) foi meu cotidiano. Por último a violência atingiu meu lar (agressões do cônjuge) Tomei de imediato todas providências: BO, exame no IML, representação, inquérito,etc. Ao final os processos foram extintos em função do ritmo lento para julgamento (prescrição do prazo, citações dificultadas )(agressor nunca estava em casa...) perícias de documentos i n t e r m i n á v e i s, Ações indeferidas por "falta de interesse processual", e alguns artifícios jurídicos... Além de outras ações que tramitam há anos. Tudo de acordo com a lei e medidas judiciais cabíveis. Cobrar dívidas é desanimador, quando chega a sentença, a execução, o devedor já não tem mais nada oficialmente em seu nome, no entanto possui iate, carros importados em nome de terceiros, imposto de renda "vazio". E ainda afirmam que o futuro depende das crianças. Triste legado.

...dr. roberto (esse realmente é doutor) prefir...

Robespierre (Outros)

...dr. roberto (esse realmente é doutor) prefiro outro karl, aquele que dizia que o homem antes de filosofar tem que ter a "barriga" cheia. Acrescentaria: sem fome, com educação, trabalho e saúde. os magistrados ajudariam muito se pudessem "de ofício" obrigar o cumprimento dos sete primeiros artigos da Constituição, ou então "corrigir" a sociedade mandando para a sanção penal os verdadeiros bandidos, os chamados de "colarinho branco" que indiretamente provocam a falta de dinheiro público para investimentos nos direitos sociais. no mais é debate acadêmico com chá ou uísque 12 anos.

Quando havia a UNE, hoje é um sinulacro, certos...

Ampueiro Potiguar (Advogado Sócio de Escritório)

Quando havia a UNE, hoje é um sinulacro, certos setores diziam: estudante tem que estudar. O sr. Jarbas Passarinho castrou nossa juventude, naquela época, e a castração continuou.Nossos líderes ainda são, estes que aí estão, "como nossos pais" (Belchior, quer dizer, com a mentalidade conservadora da metade do século passado. Hoje, grande parte desses conservadores dão-se ao luxo de convocar a juventude. Par que? Combater o pós-modernismo, a mesmice, a alienação televisiva. Pergunta feita por um certo personagem histórico: "Que fazer?". Os donos do poder estão felizes. E a violência batendo às portas de todos. Mas só há preocupação quando um deles (no presente dois) são atingidos.

A violência não é apanágio da sociedade brasile...

Embira (Advogado Autônomo - Civil)

A violência não é apanágio da sociedade brasileira. Ocorre em todo o mundo. A ministra Helen Gracie acaba de participar de um seminário em Brasília (dias 4 e 5/12/06) sobre o seqüestro internacional de crianças. Esses seqüestros ocorrem na Colômbia e nos EUA com mais freqüência que no Brasil. O assalto sofrido pela presidente do STF no Rio é apenas mais um caso de violência contra autoridades. No nosso Estado, foram mortos os prefeitos de Santo André e Campinas e ninguém alegou que estávamos no fim dos tempos. Há capitais brasileiras violentas, como Recife, Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e há outras mais pacíficas, como Florianópolis, São Luís, Teresina. A violência, no Brasil, e talvez em outros países, é endêmica. Das dez cidades mais violentas do Brasil, três são do Espírito Santo e três de Pernambuco. O risco de ser morto em Serra, no Espírito Santo, é doze vezes maior que em Maringá, no Paraná.

É uma pena que quando eu fui roubado na porta ...

Wagner Salsa (Advogado Sócio de Escritório - Criminal)

É uma pena que quando eu fui roubado na porta de minha casa, e mantido refém sob a mira de uma arma por mais de 3 horas, ninguém tenha feito um artigo tão rico a respeito.

Só um comentário: deixamos de ter saída nos aer...

Armando do Prado (Professor)

Só um comentário: deixamos de ter saída nos aeroportos, simplesmente porque está em marcha um movimento liderado por setores militares saudosistas de 64, que não toleram serem comandados por um civi, e pior, que esse civil seja o atual ministro da defesa, Valdir Pires, grande brasileiro e uma das maiores vítimas dos gorilas de 1.964. Estão aproveitando a "operação padrão" dos controladores para "derrubar" aquele que nunca se acorvadou contra os fardados fascistas que assaltaram o Brasil no dia 1º de abril de 64. Pires, infelizmente, é o homem certo no lugar errado. Mas os lunáticos que acham que podem criar as condições para o golpe, se enganam. Avançaremos e consolidaremos a democracia para o povo.

Comentar

Comentários encerrados em 16/12/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.