Consultor Jurídico

Notícias

Cadeira da Advocacia

OAB-SP abre inscrições para duas vagas destinadas ao quinto

Comentários de leitores

5 comentários

O "quinto constitucional" decorre de preceito c...

Raul Haidar (Advogado Autônomo)

O "quinto constitucional" decorre de preceito constitucional (CF, art. 94). Não deveria existir. Sou partidário de que juizes devem ser concursados, em todos os níveis. Mas enquanto a CF assim o ordenar, não pode a OAB omitir-se. No Estado de São Paulo faz-se uma escolha transparente, através de seleção pública. Qualquer Advogado pode inscrever-se ao "quinto". O Conselho Seccional da OABSP não faz escolha "política", mas apenas fundada no exame objetivo do "curriculum" dos candidatos e na avaliação em sessão pública. Pelo menos desde 1998 as sessões são públicas e a lista amplamente divulgada. Tal lista está sujeita a impugnações de qualquer pessoa. Assim, a OABSP, pelo menos, não tem do que se envergonhar a respeito.Tenho notado, na prática, que os juizes nomeados pelo "quinto" em SP são operosos, dedicados, sérios. Jamais ouvi contra qualquer deles a menor reclamação. Os juizes que vieram do "quinto", aqui em SP, jamais se recusaram a receber Advogados em seus gabinetes e sempre respeitaram nossas prerrogativas. Os abusos que há no Judiciário geralmente são praticados pelos concursados, especialmente na primeira instância. Aliás, quanto mais jovens, mais prepotentes e arrogantes são os magistrados de primeira instância.

Esse quinto constitucional é uma vergonha nacio...

Ruberval, de Apiacás, MT (Engenheiro)

Esse quinto constitucional é uma vergonha nacional. Se advogado quer ser juiz, vá fazer concurso público, ainda mais porque o critério para escolha é político, não técnico, sem falar que fica prejudicado o princípio constitucional da impessoalidade e da eficiência.

Em réplica ao comentário que me diz entusiasmad...

Dra. ANDRÉIA PEREIRA DA SILVA (Advogado Autônomo)

Em réplica ao comentário que me diz entusiasmada, isso eu sou, amo a advocacia, nunca me vou me candidatar no quinto constitucional pois amo advogar, sou órfão de pai, sempre fui muito pobre e lutei muito para conseguir ser advogada, e hoje sou a advogada mais realizada do mundo, pois advogo por paixão na área criminal e se procurarem verão que coleciono excelentes resultados, com a graça de Deus!

LUIZ COSTA - Falar sobre alguns comentários vu...

------- (Advogado Autônomo)

LUIZ COSTA - Falar sobre alguns comentários vulgares da Conjur é perder tempo. Alguns advogados parece não pensam um minuto nem raciocionam na hora de fazer o comentário. Não concordo com o dr. Araboru, acho-o demasiadamente equivocado; não vou descer a detalhes. Quanto a DOUTORA ANDRÉIA PEREIRA DA SILVA, com todo respeito, acho-a demasiadamente entusiasmada e chamando a advocacia de "queridinha". Não vejo nada de muito querido na advocacia, ainda mais na criminal. É uma selva/floresta do salve-se quem puder! Vide o último caso da Suzane!

Realmente existem muitos Advogados que possuem ...

Dra. ANDRÉIA PEREIRA DA SILVA (Advogado Autônomo)

Realmente existem muitos Advogados que possuem vocação para a Magistratura, eu admiro demais a lista tríplice, mas nunca terei vocação para Magistratura, pois se é difícil ser Advogado também é difícil ser Magistrado. Minha vocação é a querida advocacia, defender, e parabenizo a OAB/SP pela atual gestão que torna público sempre todos os atos!

Comentar

Comentários encerrados em 7/05/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.