Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

CPI do Mensalão

Delúbio Soares pede ao STF direito de não se auto-incrimnar

O ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares está recorrendo ao Supremo Tribunal Federal para garantir seu direito de não se auto-incriminar. Ele participará de uma acareação marcada para esta quinta-feira (27/10) na CPI do Mensalão.

No Habeas Corpus, a defesa de Delúbio afirma que ele já prestou depoimento na CPI como investigado. Por isso, pedem que, para a acareação, ele não precise assinar o termo de compromisso com a verdade exigido das testemunhas. Os advogados pedem que Delúbio não seja preso por falso testemunho. O pedido será analisado pelo ministro Marco Aurélio.

Além do ex-tesoureiro, devem participar da acareação o empresário Marcos Valério, o ex-deputado Valdemar Costa Neto (PL-SP), o ex-tesoureiro do PL Jacinto Lamas, o ex-tesoureiro do PTB Emerson Palmieri, o ex-presidente da Casa da Moeda Manoel Severino dos Santos, a funcionária da empresa SMP&B Simone Vasconcellos e o ex-assessor do PP João Cláudio Genu.

HC-87.021

Revista Consultor Jurídico, 25 de outubro de 2005, 21h04

Comentários de leitores

1 comentário

É o STF a serviço do crime organizado contra o ...

Band (Médico)

É o STF a serviço do crime organizado contra o povo brasileiro! Provas que não podem ser feitas, provas que devem ser descartadas, provas que não podem ser usadas.... É a ação da justiça brasileira formando o que se vê atualmente. Ninguém tem medo de ser criminoso porque está livre de antemão! NO BRASIL O CRIME COMPENSA!

Comentários encerrados em 02/11/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.