Consultor Jurídico

Direito de opinião

Advogados dizem em pesquisa que querem impeachment de Lula

25

15,1 %

Razoável

44

26,5 %

Ainda não é possível avaliar

74

44,6 %

Bom

21

12,7 %

Excelente



Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 28 de novembro de 2005, 20h55

Comentários de leitores

2 comentários

O Direito tem uma lógica. Ora, se está comprova...

JA Advogado (Advogado Autônomo)

O Direito tem uma lógica. Ora, se está comprovado que parlamentares eram indecentemente remunerados para votar nos projetos de interesse do PT (ou do governo, o que é a mesma coisa), e estando também comprovado que o dinheiro utilizado para isso saía de empresas públicas (Correios, Banco do Brasil, Eletronorte, etc) - e ainda estando comprovado "ad nauseam" que o presidente da República sabia disso tudo, tendo sido alertado por várias pessoas, sem nunca haver negado isso, está configurada a hipótese de crime de responsabilidade (por omissão) e portanto de impedimento. A única coisa que não ficou clara é a periodicidade da remuneração - se mensalão, semanalão, semestralão, etc. - Basta uma leitura superficial do Inc. 3º do Art. 9º da Lei 1.079 (Lei do Impeachment).

Volto a repetir o pensamento de Ubaldo Ribeiro....

Marcelo Augusto Pedromônico (Advogado Associado a Escritório - Empresarial)

Volto a repetir o pensamento de Ubaldo Ribeiro. Diz ele que o problema não é o Lula, nem foi o FHC e nem o Collor. O problema está na "base": somos todos nós. Esta pesquisa por exemplo, reflete o pensamento dos Advogados de São Paulo? Desculpem-me, mas não reflete o meu. Longe de achar bom este governo. Mas falar em impedimento do Presidente da República é uma idiotice sem tamanho. Vamos primeiro fazer uma pesquisa entre os Advogados de São Paulo (todos), e ver o índice de aprovação do Dr. D'Urso. Como diz Ubaldo, vamos começar na "base" (ele não diz exatamente isso mas é este o significado).

Comentários encerrados em 06/12/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.