Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Novo destino

TRF-1 determina que inquérito sobre Amper seja encaminhado à PF

A 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região determinou que o inquérito que apura supostas irregularidades em empréstimos obtidos pela Amper Construções Elétricas seja encaminhado à Polícia Federal para que seja concluído em 30 dias. Os desembargadores acolheram pedido feito pelo advogado Eduardo Mahon, que representa a empresa.

Na mesma decisão, tomada por quatro votos a dois, foi determinado que não seja concedida vista do processo a terceiros não relacionados com o caso. A empresa, que tem como um dos sócios Armando de Oliveira, irmão do ex-governador de Mato Grosso, Dante Oliveira, é investigada pela suposta participação em um esquema de lavagem de dinheiro.

A investigação foi motivada por empréstimos internacionais tomados pela empresa junto ao Bank of Boston e ao Deustche Bank, na cidade de Montevidéu (Uruguai). A suspeita surgiu por conta das denúncias envolvendo o avalista dos empréstimos internacionais da Amper: o empresário e ex-policial João Arcanjo Ribeiro, o “Comendador”.

Preso no Uruguai, Arcanjo foi condenado, em primeira instância, a 37 anos de prisão por crimes contra o sistema financeiro, lavagem de dinheiro e formação de organização criminosa.

Revista Consultor Jurídico, 9 de março de 2005, 18h51

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 17/03/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.