Consultor Jurídico

Caso mensalão

Jefferson tem prazo para se explicar em inquérito no STF

O presidente do PTB Roberto Jefferson foi notificado para apresentar , em 15 dias sua resposta à queixa-crime contra ele feita pelo presidente do PL Valdemar Costa Neto. O prazo foi determinado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, nesta segunda-feira (20/6).

Na queixa-crime, Jefferson é acusado por Costa Neto pela suposta prática dos crimes de calúnia, injúria e difamação. As informações são do site do Supremo Tribunal Federal.

A ação foi motivada pela entrevista dada pelo presidente do PTB à Folha de S.Paulo, na qual ele afirmou que o presidente do PL recebia o mensalão de R$ 30 mil pago pelo PT aos deputados da base aliada em troca de apoio ao governo.

INQ 2.227




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 20 de junho de 2005, 18h14

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/06/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.