Consultor Jurídico

Filhos do mensalão

José Janene entra com queixa-crime contra Roberto Jefferson

O líder da bancada do PP na Câmara dos Deputados, José Janene (PR), apresentou queixa-crime contra o presidente nacional do PTB, deputado Roberto Jefferson (RJ), no Supremo Tribunal Federal. Nela, Janene acusa Jefferson de crimes contra a honra por acusá-lo de ser um dos operadores do mensalão. As informações são do site do Supremo.

As acusações foram publicadas na segunda entrevista concedida por Jefferson ao jornal Folha de S.Paulo, no último domingo (12/6). O presidente do PP alega que as declarações de Jefferson feriram sua honra e pede ao STF que abra processo contra o parlamentar por crimes de calúnia, injúria de difamação, previstos na Lei de Imprensa (Lei 5.250/67).

No último dia 9 de junho, o STF recebeu queixa-crime semelhante apresentada pelo presidente nacional do PL, deputado Valdemar Costa Neto.

Em depoimento à Comissão de Ética da Câmara dos Deputados nesta terça-feira (14/6), Jefferson reafirmou que Costa Neto recebeu o mensalão pago pelo PT aos deputados do PL e do PP. Ele também reiterou que ministros da base governista sabiam do esquema, que, segundo ele, consistia no pagamento de R$ 30 mil aos parlamentares em troca de apoio ao governo.

INQ 2.223




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 14 de junho de 2005, 19h30

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 22/06/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.