Consultor Jurídico

Toma lá, dá cá

Ministro diz que Busato fala “um monte de lugares comuns”

O ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos rebateu as críticas do presidente nacional da OAB, Roberto Busato, que afirmou que o governo está usando o Ministério da Justiça e a Polícia Federal para ações políticas e para abafar as CPIs. Segundo o ministro, Busato fala “um monte de lugares comuns que não podem ser levados a sério”.

As declarações de Bastos foram feitas depois de seu discurso no 4º Fórum Global de Combate à Corrupção, em Brasília. As informações são do site do Estadão.

Thomaz Bastos também afirmou que o governo federal apóia a CPI dos Correios e não teme as ameaças de divulgação de novas denúncias pelo presidente do PTB, deputado federal Roberto Jefferson (RJ).

“O governo não teme nada, já mostrou isso, estamos mandando investigar tudo. O nosso trabalho é impessoal, não protege nem persegue. Aconteça o que acontecer, a sociedade pode ter certeza: tudo vai ser apurado pelo governo, pelas suas instâncias e pelo apoio que o governo dá a todas as formas de investigação”, afirmou.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 9 de junho de 2005, 21h19

Comentários de leitores

2 comentários

O grande problema sobre o "trabalho de qualidad...

Claudio (Bacharel - Criminal)

O grande problema sobre o "trabalho de qualidade" efetuado pela PF, é que em muitas vezes são atropeladas as garantias fundamentais do cidadão. Que, apesar do que dizem alguns, não foram criadas para bandidos, e sim para todos nós. Se alguém estiver pronto para abrir mão de suas garantias pelo dúbio resultado repressivo então estamos realmente perdidos. Em tempo. O Ministro da Justiça afirma que o governo apoia a CPI. Maneira estranha essa de apoio.

Acho que democracia é uma palavra muito forte e...

Itamar Ubaldo de Carvalho (Economista)

Acho que democracia é uma palavra muito forte e especial e não pode ser usada para tentar macular a imagem de um homem público de total discreção e verdadeiramente impessoal. O serviço apresentado pelo MJ está além das fronteiras dos interesses pessoais e escusos, e o Ministro tem mostrado a todos nós uma integridade sem fim dessa entidade na busca da verdade. Estamos todos os dias recebendo informação pela imprensa falada e escrita sobre a atuação da Polícia Federal, um trabalho de qualidade, superando todas as espectavivas do nosso povo, apresentando serviços da melhor qualidade em todos os momentos da vida nacional, desde a implantação desse governo, coisa que há muito não se via neste País. Se formos fazer um balanço da atuação dessa Instituição, fatalmente todos haverão de aprovar os trabalhos desenvolvidos. O que é bom, temos é que aplaudir, incentivar e apoiar.

Comentários encerrados em 17/06/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.