Consultor Jurídico

Comunidade no Orkut

Acusado de incitar homicídio no Orkut fará trabalho comunitário

O estudante de jornalismo Rafael Dorneles, 19 anos, deverá prestar trabalhos comunitários durante seis meses. Ele é acusado de criar o grupo Homicidas do Brasil no site de relacionamentos Orkut. As informações são do Espaço Vital.

Dorneles, que mora no Rio Grande do Sul, foi responsabilizado por incitação ao crime e aceitou a transação penal proposta pela promotora Maria Fernanda Pitrez. Assim, não será processado. O estudante deverá trabalhar de seis a oito horas por dia, em local que será definido após uma avaliação psicológica do acusado.

A transação penal foi possível porque Dorneles não tem antecedentes criminais e cometeu delito de pequeno potencial ofensivo. Ele explicou que criou o grupo no Orkut para ridicularizar as comunidades do site de relacionamento. Segundo o estudante, foi uma brincadeira.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 9 de dezembro de 2005, 16h43

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 17/12/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.