Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Abaixo o amianto

Fernanda Giannasi, militante anti-amianto, é homenageada no Japão

A brasileira Fernanda Giannasi, uma das principais expoentes na luta contra o amianto foi homenageada neste domingo (21/11), em Tóquio no Japão, pelo Tajiri Muneaki Memorial Fund, por seu destacado papel pelo banimento mundial desta substância na construção civil.

Pesquisas médicas indicam que o amianto ou asbesto é uma matéria-prima cancerígena para os seres humanos. O Brasil figura entre os cinco maiores produtores mundiais e usuários deste mineral fibroso, muito utilizado para confecção de telhas e caixas d’água de cimento-amianto, mais conhecidos pelas marcas líderes do setor, Brasilit e Eternit.

O Japão, um dos maiores importadores do amianto brasileiro, aprovou recentemente lei que proibirá o uso do amianto, considerado pelos ecologistas o "mal industrial do século XX".

Além de comenda e troféu, Fernanda recebeu o título "anti-asbestos G-woman (agente anti-amianto)", que é a maneira como a mídia japonesa se refere aos que se destacam no combate aos agentes tóxicos.

Fernanda Giannasi é engenheira e auditora-fiscal do Ministério do Trabalho em São Paulo há 21 anos e fundou a Rede Virtual-Cidadã pelo Banimento do Amianto na América Latina e a Associação Brasileira dos Expostos ao Amianto (Abrea).

O nome do troféu dado a Fernanda é uma homenagem a Tajiri Muneaki, conhecido e respeitado G-Man (agente anti-poluição), e incansável militante contra a contaminação industrial em seu país. que morreu de câncer em 1990

De acordo com o advogado trabalhista Luiz Salvador, Tajiri Muneaki foi o responsável pelo lançamento da campanha anti-amianto e o criador da Banjan - a rede do banimento do amianto do Japão em 1987.

Agente da Guarda Costeira japonesa, Muneaki iniciou sua militância ecológica em 1968, quando denunciou a empresa química Ishirahara Sangyo Co., pela contaminação do mar por ácido sulfúrico e outros materiais tóxicos. Emm 1978, Muneaki convidado pelo prefeito de Tóquio, atuou contra Nippon Química Industrial, que contaminava o meio ambiente com cromo.

Revista Consultor Jurídico, 22 de novembro de 2004, 20h29

Comentários de leitores

1 comentário

DRA. FERNANDA GIANNASI Personalidades como a...

Luís da Velosa (Advogado Autônomo)

DRA. FERNANDA GIANNASI Personalidades como a sua engrandecem o ser humano e enobrece a humanidade. Parabéns pela homenagem que lhe foi prestada, em Tóquio, no Japão, "do outro lado do mundo", pelo Tajiri Muneaki Memorial Fund, que homenageia, por sua vez, homenageia a grandioso ser humano Tajiri Muneaki.

Comentários encerrados em 30/11/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.