Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

No subconsciente

Juiz manda Souza Cruz fazer propaganda sobre danos do cigarro

A Souza Cruz, fabricante de cigarros, está obrigada a patrocinar a veiculação de uma propaganda na qual o Ministério da Saúde divulgará os danos provocados pelo cigarro. A determinação é do juiz Robson Barbosa de Azevedo, da 4ª Vara Cível de Brasília.

A empresa foi condenada por ter veiculado na TV, em 2000, propaganda do cigarro Free contendo estímulos subliminares. A agência Standart Ogilvy e a Conspiração Filmes Entretenimento, produtora do comercial, também foram condenadas. Ainda cabe recurso.

Para o juiz, a “situação gerada pela propaganda é perigosa, abusiva e ilegal, associando idéias e imagens, atribuindo êxito ao personagem”. Ainda segundo Azevedo, a propaganda sugeria, de forma irresponsável, o uso de tabaco pelo público infanto-juvenil. Em caso de descumprimento da sentença, os indiciados terão de pagar uma multa de R$ 2 milhões por dia.

Procurada pela revista Consultor Jurídico, a assessoria de imprensa da Souza Cruz afirmou que a empresa ainda não tem conhecimento do teor da decisão.

O juiz baseou a sentença em um laudo feito pelo Instituto de Medicina Legal do Distrito Federal, após perícia minuciosa efetuada nos textos do monólogo do personagem (um pintor) e nas imagens do comercial. O texto dizia: “Meu nome é Daniel Zanage. Eu trabalho com luz, computador, arte, filme, sombras, letras, imagens, pessoas. Vejo as coisas assim: certo ou errado, só vou saber depois que eu fiz. Eu não vou passar pela vida sem um arranhão. Eu vou deixar minha marca”.

Psicólogos que fizeram parte da equipe responsável pela perícia, na época, concluíram que as frases estimulam o comportamento inconseqüente por parte da criança ou adolescente.

Quanto às imagens, analisadas em "slow motion", os peritos descobriram um ‘frame’ de uma mulher fumando, com duração de três décimos de segundo. Caracterizou-se, portanto, a inserção subliminar, uma vez que a imagem é imperceptível aos olhos humanos, mas é registrado no cérebro num nível subconsciente. Segundo o professor José Vicente Dias, diretor da ONG “Mensagem Subliminar”, estas imagens não percebidas de forma consciente, podem levar uma criança ou adolescente a associar o ato de fumar com o sucesso e, conseqüentemente, ao consumo do cigarro, objeto da propaganda em questão.

De acordo com notícia divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo “o Instituto de Criminalística do Distrito Federal constatou a existência de imagens que não podiam ser percebidas conscientemente por causa da velocidade na veiculação. Entre elas, a silhueta de uma pessoa com cigarro. Já o Instituto Médico Legal verificou a potencialidade lesiva das imagens e concluiu que as mensagens não captadas conscientemente eram estímulos subliminares”.

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde, mais de 700 milhões de crianças estão expostas à fumaça cancerígena exalada por mais de 1,2 bilhões de fumantes em todo o planeta. As crianças são as mais atingidas pelo fumo, seja por conta da fumaça exalada por terceiros (fumo passivo) ou aspiradas por elas próprias, quando fumantes precoces.

Revista Consultor Jurídico, 8 de novembro de 2004, 16h45

Comentários de leitores

4 comentários

Este Calazans faz mesmo de tudo para vender o l...

Douglas D. (Advogado Autônomo - Civil)

Este Calazans faz mesmo de tudo para vender o livro dele! Não caiam no conto do vigário. "Mensagem subliminar" é pseudociência e seus efeitos são comprovadamente inócuos. Quem quiser realmente saber algo deste asssunto deve fugir de sites fundamentalistas religiosos e de obras pseudocientíficas que escondem fontes, adulteram fatos e repassam boatos e lendas como se fossem verdades, que, infelizmente, são as fontes que pautam o estudo de "mensagens subliminares" no Brasil. Vejam o outro lado da moeda aqui: Pseudociência - Mensagens Subliminares; http://www.projetoockham.org/pseudo_subliminar_1.html Mentira Subliminar; http://www.jrwp.com.br/artigos/detalhe-artigos.asp?offset=120&ID=194 Psychological Investigations of Unconscious Perception; Merikle, Philip; Journal of Consciouness Studies; 1998. How a Publicity Blitz Created the Myth of Subliminal Advertising Stuart Rogers; Public Relations Quarterly. Volume: 37. Issue: 4; 1992 Subliminal Stimulation: Some New Data and Interpretation Del I. Hawkins - author. Journal Title: Journal of Advertising. Volume: 18. Issue: 3; 1989. The Subliminal Persuasion Controversy: Reality, Enduring Fable, and Polonius’s Weasel ; LAURA A. BRANNON, TIMOTHY C. BROCK; courses.umass.edu/psyc392a/pdf/ brannon&brock.1994.pdf Effectiveness of Subliminal Messages in Television Commercials: Two Experiments; Smith, Kirk; Rogers, Martha; Journal of Applied Psychology; 1994. Subliminal Self-Help Audiotapes: A Search for Placebo Effects; Merikle, Philip; Skanes, Heather; Journal of Applied Psychology;1992 Unconscious Processes, Ssubliminal Stimulation, And Anxiety ;Birgit Mayer and Harald Merckelbach; Clinical Psychology Review; 1999. Activation by Marginally Perceptible ("Subliminal") Stimuli: Dissociation of Unconscious From Conscious Cognition; Greenwald, Anthony; Klinger, Mark R.2; Schuh, Eric; Journal of Experimental Psychology: General, 1995. Comments on the Subliminal Psychodynamic Activation Method; Figueroa, Michael; American Psychologist; 1989. Is the Unconscious Smart or Dumb?; Loftus, Elizabeth; Klinger, Mark; American Psychologist 1992. SPA Is Subliminal, but Is It Psychodynamically Activating?; Balay, Jennifer; Shevrin, Howard; American Psychologist; 1989 Subliminally Activated Symbiotic Fantasies: Facts and Artifacts; Hardaway, Richard; Psychological Bulletin; 1990. The Effect of Subliminal Oedipal and Competitive Stimulation on Dart Throwing:Another Miss; Vitiello, Michael; Carlin, Albert; Becker, Joseph; Barris, Bradley; Journal of Abnormal Psychology; 1989. The Effects of Subliminal Symbiotic Stimulation on Free-Response and Self Report Mood; WEINBERGER, JOEL; KELNER, STEPHEN; McCLELLAND, DAVID; The Journal of Nervous & Mental Disease; 1997. The Subliminal Psychodynamic Activation Method: A Critical Review; Balay, Jennifer; Shevrin, Howard; American Psychologist; 1988. Parallels between Perception without Attention and Perception without Awareness; Philip M. Merikle and Steve Joordens; CONSCIOUSNESS AND COGNITION; 1997. Moderation of Mood Change after Subliminal Symbiotic Stimulation: Four Experiments Contributing to the further Demystification of Silverman’s ‘‘Mommy and I Are One’’ Findings Staffan Sohlberg, Alexandra Billinghurst, and Sara Nyle; JOURNAL OF RESEARCH IN PERSONALITY; 1998 Sublimminal Mere Exposure: Specific, General and Difuse Effects; Jennifer L. Monahan; Psycological Science; 2000. Subliminal Perception of Pictures in the Right Hemisfere ; Katharina Henke; CONSCIOUSNESS AND COGNITION; 1993. Subliminal Visual Priming; Moshe Bar and Irving Biederman;Psycological Science; 1998. Subliminal Self-help Auditory Tapes: An Empirical Test of Perceptual Consequences;TIMOTHY E. MOORE; http://www.cpa.ca/cjbs/moore.html Scientific Knowledge and the Twist in the Tail: The Case of Subliminal Persuasion; Gary P. Radford; Paper presented at the 42nd Annual Conference of the International Communication Association, Miami, Florida May 21-25, 1992. http://alpha.fdu.edu/~gradford/sublim.html Subliminal Perception; Philip M. Merikle; Encyclopedia of Psychology (Vol. 7, pp. 497-499). New York: Oxford University Press, 2000. http://www.arts.uwaterloo.ca/~pmerikle/papers/SubliminalPerception.html Subliminal Self-help Tapes: Promises, Promises... Barry Beyerstein, Simon Fraser; Eric Eich; Rational Enquirer, Vol 6, No 1, Jul 93. http://members.aol.com/psychneuro/subliminal/Beyerstein.htm

O tema da publicidade subliminar exige pesquisa...

Flavio Calazans (Professor Universitário - Consumidor)

O tema da publicidade subliminar exige pesquisas neurológicas e emprega a BIOMIDIOLOGIA, maiores detalhes em www.calazans.ppg.br e no livro "Propaganda Subliminar Multimídia" da Summus Editorial em sétima edição, onde há lista da jurisprudência internacional sobre subliminares e todos os casos brasileiros.

Aproveito para enviar uma entrevista minha anti...

Flavio Calazans (Professor Universitário - Consumidor)

Aproveito para enviar uma entrevista minha antitabagista sobre SUBLIMINARES publicada na revista jovem TRIP: {REVISTA TRIP - NEWSCOTINA} Em entrevista à TRIP, Flávio Calazans, doutor em ... As embalagens de muitos cigarros utilizam-se, hoje em dia, de técnicas de propaganda subliminar. ... www2.uol.com.br/trip/newscotina/83/subliminar.htm

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 16/11/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.