Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Ali Mazloum

Supremo arquiva HC de juiz investigado na Operação Anaconda

O Supremo Tribunal Federal determinou o arquivamento do Habeas Corpus ajuizado em favor do juiz Ali Mazloum, da 7ª Vara Criminal Federal de São Paulo.

A ação foi ajuizada por suposto constrangimento ilegal por parte do relator do HC 84.409, ministro Joaquim Barbosa, que não concedeu liminar para trancar a ação penal em que o juiz é investigado na Operação Anaconda.

O ministro Nelson Jobim observou que o recurso é incabível e contrário à jurisprudência da Corte, pois não se permite Habeas Corpus contra ato referente a outro HC impetrado perante o Supremo. O ministro negou seguimento ao pedido de Ali Mazloum, ficando prejudicado o exame da medida liminar, de acordo com o STF.

HC 84.538

Revista Consultor Jurídico, 16 de julho de 2004, 20h00

Comentários de leitores

9 comentários

Caros, Enquanto isso, o presidente do Supremo ...

Eduardo Rocha ()

Caros, Enquanto isso, o presidente do Supremo Tribunal federal, Ministro Nelson Jobin, solta o petista Sérgio Gomes da Silva, o "Sombra". Lamentável. Será que essa Justiça não vê os erros cometidos contra esses inocentes irmãos-juízes? Isto está me cheirando mais política, e das sujas, do que "Doutrina Jurídica". Lamentável!

Engraçado, deve haver algum mega complô de todo...

Edmilson Marco da Silva ()

Engraçado, deve haver algum mega complô de todo o Judiciário Nacional para manter esses pobres inocentes na cadeia. Realmente, eles devem estar presos sem motivo, são grandes injustiçados, tudo culpa do Ministério Público ... Ainda bem que num país cheio de anginhos e sem corrupção como o nosso existe uma instituição de messiânicos e metidos a super-herois, embora tenha gente que os veja todos como mau intencionados e caçadores de pessoas inocentes para a cadeia.

Não há muito a que se comentar. Porém, com toda...

Gilwer João Epprecht (Advogado Sócio de Escritório - Criminal)

Não há muito a que se comentar. Porém, com toda certeza, os dignos Magistrados acusados provarão serenamente as falsas acusações que pairam sobre eles, especialmente os irmãos Cassem e Ali Mazloun que nada mais fazem do que interpretar, até com excessivo rigor, as leis e o direito.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 24/07/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.