Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Punição confirmada

TJ catarinense mantém condenação de acusados de lavagem de dinheiro

A 1ª Câmara do Tribunal de Justiça catarinense confirmou uma das primeiras condenações por lavagem de dinheiro proveniente do tráfico de drogas registradas no Estado.

A decisão mantém as penas impostas a quatro integrantes de uma quadrilha chefiada por Jarvis Chimenes Pavão e sua companheira, Adriana Nascimento Azevedo. O casal, que está foragido, teve sua base de operações identificada na região de fronteira entre Brasil e Paraguai.

Uma das integrantes, Rosana Francisca da Silva, foi condenada a 9 anos de prisão por tráfico de drogas e mais 4 anos e 8 meses pelo crime de lavagem de dinheiro. Ela é tida como a tesoureira da quadrilha.

O grupo mantinha sua "matriz" em Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul, mas tinha um "bunker" em Balneário Camboriú. O relator da apelação criminal que confirmou as condenações foi o desembargador Solon D'Eça Neves. (TJ-SC)

Revista Consultor Jurídico, 25 de fevereiro de 2004, 15h41

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/03/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.