Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Time novo

Seis novos juízes tomam posse na Corregedoria do RS

A Corregedoria-Geral da Justiça do Rio Grande do Sul dará posse a mais seis juízes-corregedores, nesta segunda-feira (16/2). Assumem a função os magistrados Carlos Eduardo Richinitti, Cláudio Luís Martinewski, Eduardo João Lima Costa, Ivan Balson Araújo, Luciano André Losekann e Ricardo Pippi Schmidt. Com o reforço, o quadro de 16 juízes-corregedores estará completo.

É a segunda vez que os magistrados exercem a função, com exceção dos juízes Losekann e Schmidt. A solenidade será conduzida pelo corregedor-geral da Justiça, desembargador Aristides Pedroso de Albuquerque Neto.

A Corregedoria-Geral da Justiça é o órgão máximo de inspeção com jurisdição em todo o Rio Grande do Sul. Trabalha na orientação e disciplina de servidores e juízes de primeiro grau, com o objetivo de garantir uma prestação jurisdicional qualificada e célere.

Para o desenvolvimento das atividades, o corregedor-geral é auxiliado por juízes-corregedores. Cada um é responsável por uma das dez regiões em que foram divididas Estado, além de integrarem grupos de estudo e prestar assessoria às Presidências do Tribunal de Justiça.

O evento acontecerá no Palácio da Justiça, às 14h30. (Praça Marechal Deodoro, nº 55, 4º andar).

Conheça o perfil dos magistrados:

Carlos Eduardo Richinitti

Natural de Porto Alegre, nasceu em 4/3/62. Ingressou na carreira da magistratura como Juiz de Direito em 6/12/89, jurisdicionando as Comarcas de Venâncio Aires e Lajeado. Chegou a Porto Alegre, como Juiz Substituto em 16/02/98. Assumiu as funções de Juiz-Corregedor de 25/1/99 até 21/3/00. Na Capital, também, classificou-se no 1º Juizado da 9ª Vara Cível, em 11/4/00. Recentemente atuou como Juiz-Convocado no Tribunal de Justiça de 1º a 12/03.

Cláudio Luís Martinewski

Nasceu em Porto Alegre, em 24/1/61, e ingressou na magistratura como Pretor, em 31/7/87. Tomou posse como Juiz de Direito Substituto, em 27/6/90 e também jurisdicionou a Comarca de Dom Pedrito. Foi promovido para Porto Alegre em 10/10/97. De 22/4/99 até 14/2/00 exerceu as funções de Juiz-Corregedor. Em 3/4/02 obteve classificação para a 6ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, e desde 1º/8/03 atuava como Juiz-Convocado ao Tribunal de Justiça.

Eduardo João Lima Costa

É natural de Porto Alegre e nasceu em 27/4/56. Tomou posse como Juiz de Direito Substituto em 3/10/86, tendo jurisdicionado também as Comarcas de Constantina e Ijuí. Foi promovido para a Capital em 13/5/96. De 22/09/98 até 21/3/00 exerceu as funções de Juiz-Corregedor. Desde 22/3/00 atuava no 1º Juizado da 6ª Vara da Cível do Foro Central de Porto Alegre

Ivan Balson Araújo

Nasceu no Município de Porto Alegre em 12/2/56. Tomou posse como Juiz de Direito em 4/2/88 e também jurisdicionou São Leopoldo.

Foi promovido para Porto Alegre, em 25/5/95. Exerceu as funções de Juiz-Corregedor de 30/6/99 até 8/2/00. Desde 1º/12/03, atuava no 1º Juizado da 8ª Vara da Fazenda Pública do Foro Central de Porto Alegre.

Luciano André Losekann

Nasceu no Município de Agudo em 26/4/68. Tomou posse como Juiz de Direito em 16/12/94 e jurisdicionou as Comarcas de Jaguari e Bento Gonçalves. Foi promovido para Porto Alegre como Juiz Substituto em 17/5/00. Desde 2003, atuava na 5ª Vara Cível do Foro Central de Porto Alegre.

Ricardo Pippi Schmidt

É natural de Erechim e nasceu em 9/7/60. Ingressou na carreira da magistratura como Pretor, em 8/3/85. Tomou posse como Juiz de Direito em 17/6/88, tendo jurisdicionado também as Comarcas de São Francisco de Paula e Santana do Livramento. Foi promovido para a Capital em 31/3/00. Desde 22/4/02 atuava no 2º Juizado da 2ª Vara da Fazenda Pública do Foro Central de Porto Alegre. (TJ-RS)

Revista Consultor Jurídico, 16 de fevereiro de 2004, 13h02

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 24/02/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.