Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Votação feita

Tribunal Superior do Trabalho elege novos dirigentes

Os ministros do Tribunal Superior do Trabalho elegeram nesta terça-feira (10/2), os novos dirigentes do Tribunal para o biênio 2004/2006. De acordo com o regimento interno do TST, os cargos de direção do Tribunal são preenchidos mediante eleição, na qual concorrem os ministros mais antigos da Corte, em número correspondente ao dos cargos. A reeleição é proibida.

Foram eleitos por unanimidade de votos o ministro Vantuil Abdala para o cargo de presidente; o ministro Ronaldo Lopes Leal para a vice-presidência; e o ministro Rider de Brito para o cargo de corregedor geral da Justiça do Trabalho. A posse acontecerá no próximo dia 14 de abril.

Comunidade jurídica opina sobre nova direção

O presidente nacional do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, Roberto Busato, afirmou que a expectativa dos advogados é de que a nova direção do Tribunal Superior do Trabalho tenha caráter progressista e abertura ao diálogo. "Estaremos sempre à disposição para o diálogo, como vem sendo feito nos últimos dois anos de magnífica gestão do ilustre ministro Francisco Fausto".

Para o presidente da Associação Brasileira de Advogados Trabalhistas, Nilton Correia, a categoria está "confiante de que o ministro Abdala vai dar seqüência às atividades iniciadas pelo presidente Francisco Fausto, não só pelo que eles próprios têm manifestado, mas também porque essas ações deixaram de ser pessoais e passaram a ser institucionais".

O presidente da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho, Grijalbo Fernandes Coutinho, declarou estar confiante de que "a relação democrática dos últimos dois anos será mantida com um diálogo franco, aberto e transparente". O jurista Arnaldo Süssekind, disse estar confiante do êxito de de Abdala. "Sua carreira desde juiz de Junta de Conciliação e Julgamento, percorrendo todos os graus de jurisdição da Justiça do Trabalho e sua atuação no Tribunal Superior do Trabalho, assegura o êxito da sua futura administração", afirmou.

O presidente do STJ, ministro Nilson Naves, cumprimentou os novos dirigentes eleitos na seguinte mensagem: "Aos eleitos, desejo em meu nome e em nome do Superior Tribunal de Justiça o melhor dos sucessos na administração do Tribunal Superior do Trabalho e de toda a justiça trabalhista.

O ministro Carlos Velloso do Supremo Tribunal Federal, afirmou que o TST continuará o trabalho exemplar que efetua."O ministro Vantuil Abdala é dos maiores magistrados da Justiça do Trabalho brasileira e sua eleição para a Presidência do TST representa a garantia de que o Tribunal continuará na sua trajetória luminosa como Corte superior e cúpula da Justiça do Trabalho", disse o ministro. (TST)

Revista Consultor Jurídico, 10 de fevereiro de 2004, 10h48

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 18/02/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.