Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Novo ministro

Arnaldo Esteves Lima toma posse no STJ nesta quinta-feira

O desembargador federal Arnaldo Esteves Lima toma posse nesta quinta-feira (19/8) como ministro do Superior Tribunal de Justiça. A cerimônia acontece às 17h30, no plenário da Corte.

Esteves Lima foi nomeado pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no início mês passado. Ele irá ocupar a vaga decorrente da aposentadoria do ministro Vicente Leal.

O magistrado nasceu na cidade de Novo Cruzeiro, no Vale do Jequitinhonha em Minas Gerais. Formou-se em Direito pela Universidade Federal de Minas em 1972. Começou sua carreira como assistente jurídico concursado, em abril de 1973.

Em junho de 1976, passou a integrar o Ministério Público do Distrito Federal, exercendo a função de defensor público e, depois, promotor substituto até 1979, ano em que ingressou na magistratura. Foi juiz federal na seção judiciária do Paraná e depois na de Minas Gerais.

Exercia, até então, o cargo de desembargador do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, para o qual foi nomeado em 1989. Tribunal que presidiu no biênio 2001/2003.

Na posse, o ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, representará o presidente Lula. Além do ministro da Justiça, comporão a mesa, junto com o presidente do STJ, ministro Edson Vidigal, o senador Edson Lobão, representando o presidente do Senado e o subprocurador-geral da República, Wagner Natal Batista, representando o Ministério Público Federal.

Também estarão presentes o presidente do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Vantuil Abdala; o ministro do Superior Tribunal Militar, Henrique Marini de Souza; o presidente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, Aluísio Palmeira; o presidente do TRF da 2ª Região, Waldir Peçanha Martins, e a presidente do TRF da 3ª Região, Anna Maria Pimentel.

Revista Consultor Jurídico, 19 de agosto de 2004, 13h08

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 27/08/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.