Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Data remarcada

Sindicato adia início da greve do Metrô paulistano

O Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região adiou o julgamento do Dissídio Coletivo de Greve dos empregados da Companhia do Metropolitano de São Paulo – Metrô. O julgamento estava marcado para esta terça-feira (10/8).

O Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Metroviários de São Paulo encaminhou petição ao relator do Dissídio, juiz Marcelo Freire Gonçalves, informando que a assembléia-geral da categoria feita na noite de segunda-feira (9/8) decidiu atender a solicitação informal do vice-presidente judicial do TRT-SP, juiz João Carlos de Araújo. Assim, ficou adiada a greve marcada inicialmente para o dia 12/8, para a 0h de 17/8. A data do novo julgamento ainda não foi marcada.

Revista Consultor Jurídico, 10 de agosto de 2004, 18h30

Comentários de leitores

3 comentários

Cara lúcia, Entendo que o nobre colega Dr....

Alexandre Domingues Martins Bandeira ()

Cara lúcia, Entendo que o nobre colega Dr. Regis estava sendo irônico, até pq, em razão da legislação trabalhista, ao contrário do mandamus impetrado pela AASP que está a quase um mês sem despacho inicial, essa greve vai que quase imediatamente ser apreciada pelo poder judiciário. Não que eu seja favorável ao Mandado de Segurança impetrado pela AASP, mas que a muito já deveria ter sido analisado, isso sim.

Dr. Régis Como é bom saber que a advocacia ain...

Lucia ()

Dr. Régis Como é bom saber que a advocacia ainda conta com profissionais conscientes e responsáveis, sou filha de advogado (falecido),também serventuária da justiça e desde ontem tenho me perguntado qual será a postura da OAB, diante das reivindicações das demais categorias, já que nos tem tratado tão desrespeitosamente. Também me pergunto quantos advogados se disporão a apresentar publicamente seu repúdio a tal atitude. Quão grata surpresa ao ver seu comentário ao qual acrescento, acautelai-vos também todos aqueles que um dia lutaram pelo respeito aos direitos básicos do trabalho, pois em breve podemos voltar ao tempo da escravatura, os grilhões se aproximam, as mordaças já estão prontas.

Prezados Colegas, Gostaria de saber se a Sub...

Régis C. Ares (Advogado Autônomo)

Prezados Colegas, Gostaria de saber se a Subsecção de São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil, TAMBÉM irá ajuizar Ação Civil Pública contra o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Metroviários de São Paulo, para manter os trens do metrô funcionando... Afinal, os funcionários do METRÔ também exercem função de extrema importância para efetivação dos direitos garantidos na Constituição Federal e legislações infraconstitucionais; merecem ser remunerados e possuir boas condições de trabalho, e, pela importância de seu papel, não "podem simplesmente parar"... Portanto, acautelai-vos, Metroviários ! A O.A.B./SP está vigilante !...

Comentários encerrados em 18/08/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.