Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Primeira Leitura

Lula transforma evento do governo em campanha para Marta

Petróleo em alta

Os preços do petróleo continuam batendo recordes. Ontem, em Nova York o barril foi cotado a US$ 44,84, uma alta de 2,03%. Se o barril do produto se mantiver por muito tempo nesse patamar acima dos US$ 40, o Brasil deve enfrentar problemas. A Petrobrás já avisou que se o petróleo continuar em alta haverá aumento dos combustíveis, o que pode pressionar a inflação, levando o Banco Central a aumentar os juros, que já não cairiam tão cedo.

Mais pressões

Pior: o preço elevado da commodity pode elevar a inflação nos EUA, fazendo com que o BC de lá -- o Fed -- aumente os juros a um ritmo maior que o esperado. Seria mais um motivo para os juros subirem também no Brasil, mantendo assim a atratividade dos papéis do país para os investidores internacionais.

Em chamas

Além do aumento da demanda pelo produto e da falta de capacidade de produção extra, os preços do petróleo estão sendo pressionados pelo cenário instável no Iraque e na Venezuela. Ontem, os iraquianos anunciaram a interrupção do bombeamento para o terminal de Basra, no sul do país, por causa dos conflitos entre forças xiitas e norte-americanas.

Chávez e Putin

Outra fonte de pressão vem da expectativa de que haja conflitos na Venezuela por causa do plebiscito sobre a permanência ou não do presidente Hugo Chávez no cargo. A votação acontece no domingo. Por fim, a Rússia do presidente Vladimir Putin também contribui. Permanece a indefinição sobre a capacidade de a Yukos, que mantém uma queda de braço com o governo e a justiça, manter sua produção de 1,7 milhão de barris por dia.

Barril a US$ 100

Em comunicado a seus clientes, o Deutsche Bank avaliou que os preços do petróleo podem subir “temporariamente” para um nível de US$ 100 o barril, caso acidentes, desastres ou sabotagens atinjam, simultaneamente, dois dos maiores produtores de petróleo. É uma clara referência à Arábia Saudita e ao Iraque.

No palanque

O presidente Lula transformou um evento do governo federal em ato de campanha para a prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT), candidata à reeleição. Ao discursar na abertura da Semana Nacional pela Cidadania e Solidariedade, Lula elogiou os Centros Educacionais Unificados (CEUs), uma das principais bandeiras da candidata petista. “Eu sou obrigado a falar do CEU”, disse, acrescentando que “quem não conhece” as 21 escolas especiais construídas por Marta “deveria conhecer”.

Agora, não

A base do governo no Congresso vai tentar adiar para depois do esforço concentrado de agosto a ida dos presidentes do Banco Central, Henrique Meirelles, e do Banco do Brasil, Cássio Casseb, ao Senado para dar explicações sobre irregularidades apontadas em sua situação fiscal e financeira. A líder do PT no Senado, Ideli Salvatti (SC), disse nesta segunda que a ordem da base aliada é impedir que novos requerimentos de convite para os dois sejam aprovados nesta terça na CAE (Comissão de Assuntos Econômicos).

Assim falou... Ideli Salvatti

“A oitiva dos dois vai mudar o quê?”

Da líder do PT no Senado, questionando de que serviria o depoimento dos presidentes do Banco Central, Henrique Meirelles, e do Banco do Brasil, Cássio Casseb, sobre as denúncias que lhes foram feitas. Em tempo: segundo o Dicionário Aurélio, oitiva significa ouvida (ato ou efeito de ouvir).

Almas sebosas

Em reportagem publicada no domingo pelo jornal O Estado de S. Paulo, o presidente nacional do PT, Jose Genoino, chegou a sugerir que a recente onda de denúncias tenha se originado no próprio partido. Ele se referia especificamente ao caso da acusação contra o tesoureiro do PT, Delúbio Soares, que teria comprado terras em Goiás, registrando-as com preço subfaturado. “São as almas sebosas do PT”, afirmou.

A gíria, comum em Pernambuco, identifica “gente ruim”. No documentário O Rap do Pequeno Príncipe Contra as Almas Sebosas (2000), de Paulo Caldas e Marcelo Luna, “almas sebosas” são os “bandidos” que merecem ser mortos pelos justiceiros.

No documentário, outros sinônimos aparecem para “almas sebosas”, todas atribuídas por outros justiceiros de Camaragibe, cidade-dormitório da Grande Recife: “Gente que não serve para nada, ladrão, assaltante safado, traficante”.

* A coluna é produzida pelo site Primeira Leitura – www.primeiraleitura.com.br

Revista Consultor Jurídico, 10 de agosto de 2004, 11h57

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 18/08/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.