Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Justiça moderna

TRF-4 faz sua primeira sessão de julgamento por videoconferência

A sessão de julgamento da 4ª Seção do Tribunal Regional Federal da 4ª Região em que se estreou o sistema de videoconferência reuniu cerca de 370 pessoas, nesta quinta-feira (16/10), no auditório do Centro de Ciências Jurídicas da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), em São Leopoldo (RS).

A iniciativa serviu para aproximar a Corte da comunidade acadêmica e para auxiliar no ensino dos alunos, que puderam visualizar como atua o tribunal.

A vice-presidente do TRF-4, juíza Marga Inge Barth Tessler, que presidiu a sessão, afirmou esperar que num futuro não muito distante todas as sessões possam ter videoconferência. Segundo ela, o sistema facilita muito a vida do advogado, que não precisa sair de sua cidade para defender seu cliente, economizando tempo e o dinheiro.

Marga disse que a videoconferência já havia sido usada duas vezes em sessões de processos que tramitavam nos juizados especiais federais (JEFs), mas hoje foi a primeira utilização em um julgamento do TRF-4.

A 4ª Seção, especializada em Direito Penal, é formada pela 7ª e pela 8ª Turmas e composta pelos juízes Élcio Pinheiro de Castro, José Germano da Silva, Maria de Fátima Freitas Labarrère, Tadaaqui Hirose, Paulo Afonso Brum Vaz e Luiz Fernando Wowk Penteado.

O Ministério Público Federal foi representado pela procuradora regional da República Carla Verissimo de Carli.

Com a videoconferência, os advogados Sílvio Dobrowolski e Rui Scucato dos Santos falaram, respectivamente, de Florianópolis (SC) e de Curitiba (PR), enquanto Cristiano Gessinger Paul, de Porto Alegre (RS), compareceu pessoalmente à Unisinos para defender seu cliente. (TRF-4)

Revista Consultor Jurídico, 16 de outubro de 2003, 19h40

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 24/10/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.