Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Porque vou votar em Ferreira

Fernando B. Pinheiro conta porque votará em Ferreira para a OAB-SP

Por 

Aceitei ingressar na chapa Oposição Unida (13) nas próximas eleições da Ordem dos Advogados do Brasil -- Secção de São Paulo, como conselheiro, para lutar pelo resgate do respeito ao advogado e a sua dignidade.

No próximo dia 27 de novembro serão realizadas as eleições. Lembrem-se: só poderá votar o advogado que pagou a nova carteirinha e estiver em dia com os cofres da instituição.

A situação é caótica! Os atuais conselheiros da OAB-SP dividiram-se em pelos menos cinco chapas para concorrer às eleições, todas se autodenominando como de oposição. Ou seja, a própria situação reconhece que as coisas não podem mais ficar como estão. Contudo, se até hoje nada fizeram, provavelmente continuarão a fazer o que vinham fazendo.

Roberto Ferreira à frente da chapa Oposição Unida (13) vai fazer. À frente da Caasp, Roberto Ferreira fez e, provavelmente, por essa razão, a situação deixou de aprovar as suas contas para, posteriormente, vê-las aprovadas in totum pelo Conselho Federal, sem qualquer restrição. Essa é a situação: falta-se com a verdade!

A chapa Oposição Unida (13) conta ainda com líderes incontestes na advocacia. São advogados que fizeram, fazem e continuarão a fazer: Euro Bento Maciel (vice-presidente), Cyro Kusano (secretário-geral), Alberto Lopes Mendes Rollo (tesoureiro) e Demerval dos Santos (secretário-adjunto).

Esse é um dos motivos porque aceitei fazer parte da chapa Oposição Unida (13). E vou representá-los no Conselho Federal junto com nomes de outros advogados que também fizeram, fazem e continuarão a fazer. São eles: Almir Pazianotto Pinto (ex-ministro do TST), Aloísio Lacerda de Medeiros (atual Presidente da Aasp), Marcio Antonio Bueno (notável advogado imobiliário) e Antonio Tito Costa (emérito advogado eleitoral).

Trago comigo uma longa tradição histórica na advocacia paulista: desde meu bisavô Otavio Mendes (que quase foi obrigado a deixar de dar aulas de Direito Comercial no Largo de São Francisco quando contraiu poliomielite e não conseguia subir sozinho na cátedra); do meu avô materno Bernardes Junior, que foi desembargador no Tribunal de Justiça de São Paulo; do meu avô paterno J. M. Pinheiro Junior, que foi Curador de Massas Falidas; e de meu Pai, J. M. Pinheiro Neto, que fez de Pinheiro Neto - Advogados um dos escritórios de advocacia mais renomados do País e no exterior.

Veja no site www.chapaoposicaounida.com.br os nomes de todos os Colegas que integram a nossa chapa e que irão representá-los. Como diz o colega José Roberto Batochio, ex-presidente da Aasp, da OAB-SP e do Conselho Federal da OAB, em apoio à chapa Oposição Unida (13), "embora os mais jovens não tenham vivenciado, houve sim um tempo em que era grande o respeito pelos advogados e que estes, no exercício de sua nobre profissão, não sofriam os abusos e humilhações hoje infligidos por autoridades inclinadas ao arbítrio e mesmo pela mais desqualificada burocracia". E acrescenta "pensava-se duas vezes antes de afrontar o profissional da advocacia porque se sabia que o agravo jamais ficaria sem a pronta, enérgica e fulminante resposta da nossa OAB." Precisamos reconquistar o respeito aos advogados. Precisamos lutar pela dignidade do advogado. É isso o que pretendem todos os integrantes da chapa Oposição Unida (13).

O advogado empregado ou associado tem que ver respeitada a sua opinião sem humilhação e sem medo de perder o emprego ou a associação. É a dignidade do advogado que está em jogo!

Só o voto pode mudar as coisas no nosso País. Vamos começar pelo nosso órgão de classe: a Ordem do Advogados do Brasil -- Secção de São Paulo. Pense bem antes de votar e não se deixe impressionar por campanhas milionárias. Veja quem são os integrantes da chapa Oposição Unida (13). Nós fizemos por merecer o seu respeito, nós vamos reconquistar o respeito e a dignidade para toda a classe dos advogados. Desta vez não vamos permitir maracutaia nas eleições, por que essa é a situação.

Aguardamos vocês no dia 27 de novembro com um voto responsável e pensado: chapa Oposição Unida (13) com Roberto Ferreira.

 é advogado em São Paulo e sócio de Pinheiro e Bueno Advogados.

Revista Consultor Jurídico, 25 de novembro de 2003, 15h19

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 03/12/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.