Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Em paz

Juíza de Direito e time de futebol chegam a acordo sobre jogo

Terminou bem o arranca-rabo entre a juíza Rosimeire Conceição, da 6ª Cível da Comarca de Porto Velho (RO) e um grupo de amigos que jogava futebol em frente à casa dela. A juíza alegou, para a polícia, que a "pelada" estava perturbando seu sossego. De troco, foi acionada por suposto abuso de autoridade.

No acordo de conciliação, assinado no 2º Juizado Especial Criminal de Porto Velho, Rosimeire se comprometeu a desistir da representação formalizada contra os supostos infratores.

Quatro integrantes do grupo, presentes na audiência, comprometeram-se que só voltarão a jogar bola no local depois de colocarem alambrado no campo. Eles também desistiram da representar contra a juíza perante a Corregedoria do Tribunal de Justiça de Rondônia e o Ministério Público.

Com houve acordo, a representante do Ministério Público requereu ao juiz presidiu a audiência a extinção da punibilidade dos supostos infratores e o arquivamento do feito. O juiz deferiu o pedido. (TJ-RO)

Revista Consultor Jurídico, 4 de novembro de 2003, 15h45

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 12/11/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.