Consultor Jurídico

Caso Banestado

Tognolli,

Em um momento em que me sinto combalida pelo começo do recesso na Casa que sempre traz junto, a calma, o vazio e a pasmaceira, me revigoro com a graça de suas palavras no artigo "Caso Banestado" no Conjur.

Sem entrar no mérito das suas colocações, quero parabenizá-lo pelo uso abundante, esmerado e há muito não visto, da nossa língua pátria, tão rica e bonita.

Nacionalista extremada que sou, regozijo-me ao ver um colega dominar a profícua ferramenta de trabalho que temos. Sei das limitações que nos são impostas pelo chamado, falar coloquial nos meios de comunicação, principalmente no meu caso já que sou apresentadora de televisão mas, quando posso, também gosto de "viajar" no português.

Mais uma vez obrigada por ter me dado este prazer inesperado!

Beijo,

Jornalista Tuca Ivanicska

e-mail: tivanicska@stf.gov.br

TV Justiça - Brasília




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 2 de julho de 2003, 11h25

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 10/07/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.