Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Modernização

TJ da Paraíba investe mais de R$ 19 milhões em construções

De fevereiro ao início deste mês, o Tribunal de Justiça da Paraíba investiu mais de R$ 19 milhões em obras. O dinheiro foi utilizado para reformas e construções de fóruns e casas para juízes. Ao todo, 45 obras constam do projeto de modernização e melhoria do Poder Judiciário, colocado em execução, este ano, pela administração do desembargador Plínio Leite Fontes.

Dentre as obras, destaca-se o novo Fórum Cível de João Pessoa, avaliado em R$ 18,4 milhões e que está em construção entre as avenidas João Machado e Monsenhor Almeida, no Centro, próximo ao Fórum Criminal. A edificação terá semi-subsolo, pavimento térreo e mais 11 pavimentos. Será uma área coberta de 13.028 metros quadrados, com projeto da arquiteta Sandra Moura. Com o ritmo dos trabalhos avançados, a obra chega à sexta laje este ano, informa a Coordenadoria de Engenharia do TJ.

Relatório da Coordenadoria de Engenharia revela que foram executadas reformas nos Fóruns das Comarcas de Cajazeiras, Pombal, Monteiro, Sapé, Bayeux, Solânea, Pilões e Bananeiras, e nos Fóruns Distritais do Geisel, de Mangabeira e de Cruz das Armas (todos em João Pessoa). Várias obras foram realizadas, ainda, no Fórum Archimedes Souto Maior.

Outras comarcas como Santa Rita, Caiçara, Remígio, Piancó e Alagoa Grande estão com trabalhos em execução. No prédio do Tribunal de Justiça, algumas obras estão programadas e outras foram executadas.

Duas residências para juízes devem ser entregues no início de 2004: a de Monteiro, prevista para janeiro, e de Água Branca, em março. Encontra-se em processo de licitação o projeto da casa do juiz de Prata.

De acordo com a Coordenadoria de Engenharia, a Comarca de Paulista será beneficiada com a construção de Fórum e da Casa do Juiz. Outras Comarcas que também ganharão Fórum e Casa do Juiz são as de Areia e de Umbuzeiro. (TJ-PB)

Revista Consultor Jurídico, 16 de dezembro de 2003, 11h14

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 24/12/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.