Consultor Jurídico

Rainha é absolvido

Justiça capixaba absolve José Rainha, líder dos Sem Terra.

José Rainha Jr., líder do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra (MST), foi absolvido no julgamento em que era acusado pela co-autoria dos assassinatos do fazendeiro José Machado Neto e do policial militar Sérgio Narciso, ocorridos em 1989.

No final da tarde desta quarta-feira (5/4), o juiz Ronaldo Gonçalves de Sousa, do Fórum de Vitória (ES), deu a sentença favorável ao líder do MST. Rainha se declarava inocente e afirmava que na ocasião das mortes estava no Ceará.

O caso ocorreu em junho daquele ano, onde o Movimento invadiu a fazenda Ypuera, na cidade de Pedro Canário, norte do Espírito Santo. A fazenda pertencia a Machado Neto.

Em 1997, Rainha já havia sido julgado e condenado a 26 anos de prisão pelos mesmos crimes. Mas como a pena foi superior a 20 anos, teve direito a novo julgamento.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 5 de abril de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 13/04/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.