Consultor Jurídico

Liberação parcial

Contru libera, parcialmente, Fórum Trabalhista em São Paulo.

O Departamento de Controle do Uso de Imóveis (Contru) liberou parcialmente o Fórum Trabalhista da Avenida Ipiranga, em São Paulo, para que seja normalizado o serviço de distribuição de processos. A medida foi tomada nesta quarta-feira (20/10).

Segundo a assessoria de imprensa do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) paulista, o serviço deve estar normalizado até sexta-feira. Seis funcionários do Fórum puderam entrar no edifício para fazer as adaptações necessárias.

Atualmente, o serviço de distribuição de processos funciona na sobreloja do prédio. Com as adaptações, passará a funcionar numa sala ao lado da entrada principal.

O Fórum Trabalhista foi interditado na terça, por irregularidades no sistema de segurança em caso de incêndio. O diretor do Contru, Carlos Alberto Ventureli, relatou falta de sistema de alarme, de iluminação de emergência e de rotas de fuga.

A assessoria de imprensa do TRT informou que essas obras já estavam sendo realizadas. O prédio abriga da 1ª à 14ª Junta de Conciliação e Julgamento, onde tramitam cerca de 50 mil processos. O andamento dessas ações está suspenso. No entanto, as outras 65 Juntas da capital estão funcionado normalmente.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 20 de outubro de 1999, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/10/1999.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.