Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Ambiente favorável

Empresas analisam quais TRTs são menos rigorosos antes de estabelecer sedes

As diferenças no nível de rigor entre os tribunais regionais do Trabalho passaram a ser consideradas pelas empresas na hora de definir onde se estabelecer. Por isso, tem mais chance de receber a nova companhia uma cidade sob a jurisdição de um TRT menos rigoroso com o empregador.

Segundo reportagem do jornal Folha de S.Paulo, estudo feito pelo escritório Machado Meyer concluiu que, no Rio Grande do Sul, os empregadores foram ordenados a pagar R$ 12.400 por processo — 41% a mais que na Grande São Paulo, onde a base salarial é maior. 

"Os tribunais regionais do Trabalho são muito diferentes entre eles, e há empresas que deixam de ir a uma cidade por conta do perfil dos juízes", diz a advogada Caroline Marchi, sócia do Machado Meyer. 

O escritório elaborou um coeficiente sobre qual o impacto dos pagamentos ordenados por juízes para cada real de salário pago aos funcionários. A atuação do Ministério Público do Trabalho não entra na elaboração do coeficiente, mas é também levada em conta no momento de escolher onde sediar a empresa. 

Revista Consultor Jurídico, 30 de março de 2017, 14h12

Comentários de leitores

6 comentários

O foco pode estar errado

Daniel André Köhler Berthold (Juiz Estadual de 1ª. Instância)

Na Justiça Comum, o número de processos, no Rio Grande do Sul, é proporcionalmente maior do que nos demais Estados.
Os gaúchos são mais de buscar seus direitos na Justiça. Parece-me que isso explica mais os números informados na notícia do que uma suposta escolha ideológica dos Magistrados Trabalhistas do Rio Grande do Sul.

Empregador se defendendo do Brasil, esse inimigo poderoso..

Mig77 (Publicitário)

Normalmente se escolhe local para sede de uma empresa levando-se em consideração vários quesitos, dentre os quais proximidade com seus fornecedores, concentração de mão de obra de melhor qualidade, menor carga tributária local, incentivos, infraestrutura, comunicação, acesso, segurança etc.Procurar um local para progredir, empregar, recolher impostos, onde o cachorro louco seja menos louco é a prova de que este país tem muito mais do que merece !!!

Título errado

Dirson Bruismann (Assessor Técnico)

O título da matéria deveria ser "Empresas analisam quais TRTs são mais lenientes com a violação de direitos trabalhistas antes de estabelecer sedes".

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 07/04/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.