Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Presidente denunciado

Temer pede ao STF acesso integral aos áudios gravados por Joesley

O presidente da República, Michel Temer, pediu ao Supremo Tribunal Federal para ter acesso aos sete arquivos de áudio recuperados dos aparelhos usados pelo empresário Joesley Batista para gravar escondido um diálogo com o chefe do Executivo.

Temer pediu ao Supremo acesso integral aos áudios gravados por Joesley.
Divulgação

Em petição apresentada no inquérito a que Temer responde, a defesa explica que já havia feito pedido semelhante ao relator do caso, ministro Luiz Edson Fachin, juntamento com o pleito de acesso aos gravadores usados. Na ocasião, Fachin decidiu ouvir a Procuradoria-Geral da República antes de analisar o requerimento.

Os advogados do peemedebista, porém, entendem que o parecer da PGR será apenas em relação à perícia dos aparelhos e requisitam os áudios recuperados para auxiliar na defesa junto à Câmara dos Deputados, que analisa a admissibilidade da denúncia contra Temer por corrupção passiva.  

Foi exatamente com base nas gravações solicitadas e na delação premiada de executivos da JBS que a PGR ofereceu a denúncia contra o chefe do Executivo.

Na Câmara, o processo já foi julgado na Comissão de Constituição e Justiça. O relator do caso, deputado Sérgio Zveiter (PMDB-RJ), deu parecer pela admissibilidade da denúncia, mas o colegiado rejeitou o relatório. 

Inquérito 4.483

Revista Consultor Jurídico, 19 de julho de 2017, 16h49

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 27/07/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.