Consultor Jurídico

Notas Curtas

Por Leonardo Léllis

Blogs

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Alta tensão

CNJ investigará se desembargador agrediu vizinha por discussão sobre entulho

A corregedora nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, abriu procedimento contra um desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná para apurar se ele agrediu uma dona de casa com um soco depois que ela reclamou de entulho deixado perto de sua casa. A investigação baseia-se em relatos da imprensa paranaense. O CNJ diz que, de acordo com as notícias, o desembargador ainda determinou a prisão do marido da dona de casa, que é policial civil. O magistrado tem 15 dias para apresentar esclarecimentos à Corregedoria. Com informações da Assessoria de Imprensa do CNJ.

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 19 de maio de 2016, 19h58

Comentários de leitores

8 comentários

Gustavo P (Outros)

Observador.. (Economista)

Usei o caso para lembrar em que tipo de país vivemos.Não penso na figura do Desembargador.Ele pode estar certo, por isso (acredito) o CNJ está apurando.Mas meu ponto é outro.
Ou aqui não existe o que foi escrito em "Os Bruzundangas", de Lima Barreto?
Ou aqui o desapontamento de Rui Barbosa não faz sentido ainda?
E, no meu comentário, apontei apenas que a pessoa diz que a Prefeitura liberou algo que a Prefeitura diz que não fez.
Mas, se tudo está correto, que assim seja.
Nosso país é que não está correto.Basta sair às ruas.
E podemos aproveitar todo tipo de evento para melhorarmos como nação.
Não se trata de desconstruir esta ou aquela pessoa/autoridade.
Se trata, isto sim,de começarmos a pensar em que tipo de país nossos filhos viverão no futuro.
Cordiais saudações.

aliás

Gustavo P (Outros)

O vídeo juntado pelo observador nada mais é que uma matéria editada, nitidamente tendenciosa.

Procurem o vídeo original, sem cortes.

Caro observador

Gustavo P (Outros)

Acho que vc viu outro vídeo...

Ou o tal policial não atuou com abuso de poder?

Ou a mulher não fez o maior barraco, enquanto o desembargador mantinha a postura?

Isso, pra mim, é inveja.

Aliás, cidadania é para todos, inclusive para o policial e à barraqueira.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 27/05/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.